Mercado fechará em 1 h 5 min
  • BOVESPA

    112.530,55
    +1.241,37 (+1,12%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.068,17
    +31,12 (+0,06%)
     
  • PETROLEO CRU

    86,74
    -0,61 (-0,70%)
     
  • OURO

    1.792,90
    -36,80 (-2,01%)
     
  • BTC-USD

    36.322,90
    -1.774,30 (-4,66%)
     
  • CMC Crypto 200

    831,02
    +11,51 (+1,40%)
     
  • S&P500

    4.351,76
    +1,83 (+0,04%)
     
  • DOW JONES

    34.277,23
    +109,14 (+0,32%)
     
  • FTSE

    7.554,31
    +84,53 (+1,13%)
     
  • HANG SENG

    23.807,00
    -482,90 (-1,99%)
     
  • NIKKEI

    26.170,30
    -841,03 (-3,11%)
     
  • NASDAQ

    14.107,75
    -50,75 (-0,36%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,0420
    -0,0644 (-1,05%)
     

Renovações, permanências... Botafogo vive mês decisivo para o futuro do elenco

·2 min de leitura
Eduardo Freeland, diretor de futebol do Botafogo, junto com Enderson Moreira, treinador da equipe (Foto: Vítor Silva/Botafogo)


Com o título da Série B do Brasileirão, o Botafogo conseguiu, com uma sensação de alívio, um justo direito de comemorar o retorno à elite. Isso, porém, acabou: menos de uma semana depois do jogo que marcou a entrega do troféu, no empate em 2 a 2 com o Guarani, o Alvinegro já "coça a cabeça" pelo planejamento de 2022.

+ Após reunião com Freeland, Jonathan Lemos não fica no Botafogo em 2022

Eduardo Freeland, diretor de futebol do Glorioso, tem questões a serem resolvidas em praticamente todos os setores do campo. De Enderson Moreira a Rafael Navarro, o Botafogo convive com jogadores que se destacaram no ano, mas que, por contratos curtos, não tem futuro garantido no Nilton Santos.

O tempo dos vínculos é uma consequência da situação financeira do Botafogo. Com os cofres comprometidos, o Alvinegro teve que buscar os jogadores a baixo custo e oferecendo empréstimos - como os casos de Marco Antônio, Luís Oyama e Barreto, por exemplo. Agora, corre atrás para tentar manter os destaques.

A missão é difícil. Pela valorização dos jogadores, os clubes que carregam os direitos econômicos pedem dinheiro - algo fora da realidade do Botafogo. Durante a semana, a esposa de Marco Antônio publicou uma mensagem de despedida com o Estádio Nilton Santos ao fundo. Ele não deve ser o único a ir embora - com certeza, nem todos ficarão.

+ Permanências de Vitor Marinho e Vitinho no Botafogo dependem de venda de Marcelo Benevenuto

A parte financeira é pauta diária nessa "intertemporada" do Botafogo. Enderson Moreira, inclusive, quer saber qual será o tamanho do investimento e com quanto de salário poderá mexer para poder contratar em 2022. A renovação com o treinador está caminhando para um final feliz.

Com os jogadores, a história é diferente. Rafael Navarro, um dos principais destaques do clube na temporada, tem contrato encerrando em dezembro e até agora não dá sinais de que vai renovar. Sobre os emprestados, o Alvinegro manifesta interesse em ficar com Luís Oyama e Marco Antônio, por exemplo, mas as negociações com Mirassol e Bahia, respectivamente, são difíceis.

Dezembro será um mês de definições - sejam elas positivas ou negativas. A verdade é que, nos bastidores, a temporada 2022 já começou e o Botafogo vive os primeiros passos da montagem do elenco para a disputa da Série A.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos