Mercado fechará em 12 mins
  • BOVESPA

    110.431,06
    +1.943,18 (+1,79%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.410,17
    -108,13 (-0,21%)
     
  • PETROLEO CRU

    110,39
    +0,11 (+0,10%)
     
  • OURO

    1.853,00
    +10,90 (+0,59%)
     
  • BTC-USD

    29.239,44
    -732,86 (-2,45%)
     
  • CMC Crypto 200

    656,40
    -18,47 (-2,74%)
     
  • S&P500

    3.958,45
    +57,09 (+1,46%)
     
  • DOW JONES

    31.781,02
    +519,12 (+1,66%)
     
  • FTSE

    7.513,44
    +123,46 (+1,67%)
     
  • HANG SENG

    20.470,06
    -247,18 (-1,19%)
     
  • NIKKEI

    27.001,52
    +262,49 (+0,98%)
     
  • NASDAQ

    11.995,00
    +154,25 (+1,30%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,1418
    -0,0110 (-0,21%)
     

Rendimento do Treasury de 10 anos atinge 3% pela primeira vez em mais de 3 anos

Fachada do Departamento do Tesouro dos EUA, em Washington

NOVA YORK (Reuters) - O rendimento do título de dez anos do Tesouro dos Estados Unidos atingiu 3% pela primeira vez desde dezembro de 2018 nesta segunda-feira, um marco psicológico que pode ter grandes implicações para outros mercados financeiros.

O retorno do Treasury de dez anos é um barômetro importante para as taxas de hipoteca e outros instrumentos financeiros. Ele tem avançado nos últimos dois meses, conforme o mercado de títulos se prepara para o começo da redução do balanço do Federal Reserve, que subiu para quase 9 trilhões de dólares durante a pandemia. O processo de reduzir sua participação em títulos é chamado de "aperto quantitativo".

O Comitê Federal de Mercado Aberto (Fomc, na sigla em inglês) do Fed se reúne esta semana e espera-se que, na quarta-feira, suba os juros básicos em 0,50 ponto percentual, para uma faixa de 0,75% a 1,00%, e revele o plano para seu balanço patrimonial.

A diminuição da compra de dívida do governo pelo Fed poderia ajudar a elevar os rendimentos, o que poderia impulsionar as taxas na extremidade mais longa da curva acima dos retornos dos Treasuries de curto prazo.

Custos de empréstimos mais altos também tendem a prejudicar os preços de ações empresariais.

Às 14:42 (de Brasília), o rendimento do Treasury de dez anos --referência global para decisões de investimento-- subia 10,40 pontos-base, a 2,9885%, após chegar a tocar 3,003%.

(Por Gertrude Chavez-Dreyfuss)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos