Mercado abrirá em 3 h 40 min
  • BOVESPA

    107.249,04
    -1.819,51 (-1,67%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.078,70
    +352,74 (+0,70%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,60
    +0,14 (+0,20%)
     
  • OURO

    1.802,90
    +1,40 (+0,08%)
     
  • BTC-USD

    17.211,33
    +379,73 (+2,26%)
     
  • CMC Crypto 200

    405,98
    +11,29 (+2,86%)
     
  • S&P500

    3.963,51
    +29,59 (+0,75%)
     
  • DOW JONES

    33.781,48
    +183,56 (+0,55%)
     
  • FTSE

    7.483,69
    +11,52 (+0,15%)
     
  • HANG SENG

    19.907,34
    +457,11 (+2,35%)
     
  • NIKKEI

    27.901,01
    +326,58 (+1,18%)
     
  • NASDAQ

    11.695,75
    +50,25 (+0,43%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5314
    +0,0308 (+0,56%)
     

Renault cria unidade de produção exclusiva para veículos elétricos

Prague, Czech Republic - August 15, 2018: Renault company logo on car in front of dealership building on August 15, 2018 in Prague, Czech Republic.
Renault promete produção de 400 mil carros elétricos por ano até 2025
  • Renault cria Renault ElectriCity na França, para produzir veículos elétricos

  • Previsão é de que sejam produzidos cerca de 400 mil carros ao ano até 2025

  • Montadora promete produzir o primeiro veículo elétrico até o fim do ano

A Renault anunciou nesta quarta-feira (4) a criação da Renault ElectriCity, que deverá produzir cerca de 400 mil carros elétricos por ano até 2025. Para isso, foram feitos acordos com outras três unidades de produção da região de Hauts-de-France, na França. As informações são do Valor Econômico.

Leia também:

Além dos carros elétricos, a companhia instalará um centro de treinamento e uma universidade na unidade, que fica ao norte do país.

Primeiro carro ainda em 2021

Juntas, as plantas de Douai, Maubeuge e Ruitz formarão o mais competitivo centro de produção de carros do tipo no território europeu, segundo a companhia, com mais de cinco mil funcionários. Até 2025, a previsão é de que até 2025 sejam criados 700 empregos por ano.

É de Douai que deve sair o primeiro veículo elétrico até o fim de 2021, o Mégane E-Vision, que também recebe o nome de MéganE. Já a unidade de Maubeuge será responsável por fabricar versões elétricas do Kangoo e os utilitários Mercedes Citan, para a Daimler, e o NV250, para a Nissan. Por fim, Ruitz produzirá novos componentes elétricos.