Mercado fechado

Relembre os vilões que marcaram a história do 'BBB'

Foto: Reprodução/Globo

O ‘BBB 20’ já tem seus vilões bem definidos. Nas redes sociais, o público não comprou o jogo de Hadson, Pétrix, Felipe e Lucas. Envolvidos em polêmicas e considerados machistas, os participantes até geraram uma confusão generalizada na madrugada da última segunda-feira (3).

Já conhece o Instagram do Yahoo Vida e Estilo? Siga a gente!

Outras edições do reality da Globo também foram marcadas por personagens considerados vilões pelo grande público. Afinal, o que seria dos campeões sem os antagonistas? Além dos meninos que estão causando na edição atual do programa, relembre outros personagens icônicos que o público amou odiar!

Leia também

Dr. Gê - BBB 5

Foto: Reprodução/Globo

O médico Rogério, mais conhecido como Dr. Gê, jogou muito no ‘BBB 5’ e acabou conquistando o posto de vilão. Principal rival do campeão Jean Willis, o participante saiu bem odiado pelo público. Em uma entrevista ao jornal Extra, Rogério disse que quase apanhou na rua.

Alberto Cowboy - BBB 7

Foto: Reprodução/Globo

Alberto Cowboy rendeu vários embates com Diego Alemão, campeão do ‘BBB 7’, e acabou saindo do programa bem odiado. Na época, o participante se uniu com outros brothers para eliminar o loiro, mas a estratégia foi mal vista pelo público.

Marcos Harter - BBB 17

Foto: Reprodução/Globo

Amado durante boa parte do jogo, Marcos Harter dividiu opiniões e entrou para a lista de “participantes rejeitados” após o confinamento. Durante sua participação no reality, o médico se envolveu com a campeã Emilly, mas o casal teve um fim polêmico: acusado de assédio, ele foi expulso do programa.

Trio Mandinga - BBB 18

Foto: Reprodução/Globo

O ‘BBB 18’ teve três vilões que entraram para a história: Diego, Ana Paula (Bruxinha) e Patrícia. Os participantes se uniram e mandaram em várias jogadas da edição, mas o público não gostava da forma que eles se referiam aos outros participantes. Resultado: o trio foi eliminado com rejeição.