Mercado fechará em 13 mins
  • BOVESPA

    110.758,51
    -3.669,67 (-3,21%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    52.435,33
    -250,70 (-0,48%)
     
  • PETROLEO CRU

    82,80
    +0,36 (+0,44%)
     
  • OURO

    1.771,00
    +5,30 (+0,30%)
     
  • BTC-USD

    63.503,45
    +1.613,00 (+2,61%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.470,99
    +7,64 (+0,52%)
     
  • S&P500

    4.512,31
    +25,85 (+0,58%)
     
  • DOW JONES

    35.380,42
    +121,81 (+0,35%)
     
  • FTSE

    7.217,53
    +13,70 (+0,19%)
     
  • HANG SENG

    25.787,21
    +377,46 (+1,49%)
     
  • NIKKEI

    29.215,52
    +190,06 (+0,65%)
     
  • NASDAQ

    15.366,50
    +76,00 (+0,50%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,5129
    +0,1214 (+1,90%)
     

Reitores pedem 'retomada urgente' de avaliação feita pela Capes

·2 minuto de leitura

BRASÍLIA— A Associação Nacional de Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior (Andifes) defendeu nesta quarta-feira que haja "retomada urgente" da avaliação dos programas de pós-graduação feita pela Capes. O ciclo avaliativo foi suspenso após uma decisão da Justiça Federal do Rio de Janeiro na última quarta-feira, que considerou que a fundação não poderia aplicar novos critérios retroativamente.

Os reitores argumentam que a medida pode comprometer a produção científica brasileira e pede que a liminar concedida pela justiça seja revertida "o quanto antes". A decisão judicial dada na última quarta-feira atendeu a uma ação movida pelo Ministério Público Federal (MPF) que afirmou que o modelo adotado pela Capes é injusto e impede os programas de se adequarem às mudanças em tempo oportuno.

"A consistente avaliação realizada pela entidade tem atribuído valor imensurável no que tange à qualidade e consolidação da pesquisa em todo o Brasil, de forma igualitária entre todas as instituições. Ressaltamos que inexiste a imprevisibilidade nos critérios de avaliação, conforme argumentado, tendo em vista que as mudanças em cada ciclo avaliativo são pontuais e amplamente discutidas com a comunidade científica brasileira, e adotadas com o escopo de calibrar o sistema, visando a melhoria do processo avaliativo", diz a nota da Andifes.

A Capes realiza avaliações quadrienais dos programas de pós-graduação de todo país. Atualmente, está em curso a avaliação do período de 2017 a 2020. Ao final do ciclo são concedidos conceitos entre 1 e 7 (no caso de programas de mestrados, a nota máxima é 5). Esses parâmetros são usados pela instituição para definir destinação de bolsas e recursos.

Em seu comunicado, a Andifes destaca que a Capes tem um sistema de avaliação "robusto, fundamentado nas melhores práticas internacionais".

"Considerando que a suspensão da avaliação quadrienal da Capes pode vir a comprometer a produção científica brasileira, que tem se destacado no contexto internacional, manifestamos os mais expressos desejos de que a liminar emitida pela Justiça Federal seja revertida o quanto antes", diz a Andifes.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos