Mercado abrirá em 4 h 8 min
  • BOVESPA

    129.259,49
    -831,51 (-0,64%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.579,10
    -329,10 (-0,65%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,76
    -0,39 (-0,54%)
     
  • OURO

    1.807,90
    -53,50 (-2,87%)
     
  • BTC-USD

    39.117,26
    -988,43 (-2,46%)
     
  • CMC Crypto 200

    971,01
    -21,46 (-2,16%)
     
  • S&P500

    4.223,70
    -22,89 (-0,54%)
     
  • DOW JONES

    34.033,67
    -265,63 (-0,77%)
     
  • FTSE

    7.151,80
    -33,15 (-0,46%)
     
  • HANG SENG

    28.558,59
    +121,75 (+0,43%)
     
  • NIKKEI

    29.018,33
    -272,68 (-0,93%)
     
  • NASDAQ

    13.889,25
    -92,00 (-0,66%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,0691
    +0,0071 (+0,12%)
     

Reino Unido acelera vacinação e alerta que variante indiana pode atrasar reabertura

·3 minuto de leitura
Fila para vacinação em centro móvel em Bolton

Por Kate Holton e Alistair Smout

LONDRES (Reuters) - O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, disse nesta sexta-feira que o Reino Unido vai acelerar seu programa de vacinação contra Covid-19, para tentar conter uma variante de rápida disseminação identificada pela primeira vez na Índia, que pode alterar o rumo da reabertura da economia.

O Reino Unido realiza uma das campanhas de inoculação mais rápidas do mundo, já tendo dado uma primeira dose a quase 70% de sua população adulta e uma segunda a 36%, o que ajuda a reduzir as taxas de infecções e mortes.

Mas o surgimento da variante B.1.617.2 no norte da Inglaterra e em Londres ameaça uma reativação plena programada para junho e força uma reavaliação de maneiras de se acelerar a campanha de vacinação.

"Acredito que devemos confiar em nossas vacinas para proteger a população enquanto monitoramos a situação de perto, porque a corrida entre nosso programa de vacinação e o vírus pode estar prestes a se tornar muito mais acirrada", disse Johnson em entrevista coletiva.

Ele afirmou que o governo vai acelerar as segundas doses para pessoas com mais de 50 anos e aquelas clinicamente vulneráveis para oito semanas após a primeira dose, e priorizará as primeiras doses para os elegíveis que ainda não se apresentaram.

Mesmo assim, a disseminação da variante pode interromper o processo de saída do lockdown no Reino Unido, tornando mais difícil passar para o estágio final de uma reabertura escalonada da economia em junho, disse ele.

A próxima fase do relaxamento das restrições, na qual as pessoas terão a permissão formal para voltar a se abraçar, reunir-se em grupos pequenos em ambientes fechados e viajar ao exterior, começa na segunda-feira.

Embora agora as vacinas estejam disponíveis nacionalmente a qualquer pessoa de mais de 38 anos, o ministro das vacinas, Nadhim Zahawi, disse que em áreas nas quais a variante indiana preocupante foi encontrada poderiam ser oferecidas a pessoas mais jovens de lares multigeracionais.

Aqueles inoculados com a vacina da Pfizer também poderiam receber a segunda dose mais rapidamente para aumentar a proteção, e um aumento de exames será usado para que todos os moradores de uma certa área sejam instruídos a fazer um exame de PCR para ajudar a avaliar a abrangência do problema.

"Flexibilizaremos a distribuição da vacinação onde for possível para lidar com esta nova variante", disse Zahawi à Rádio Times. "Ela é claramente mais infecciosa, porque as infecções foram de 520 a 1.313 em uma semana."

Uma semana atrás, a Saúde Pública da Inglaterra classificou a mutação como uma "variante preocupante", citando indícios de que ela se dissemina mais rapidamente do que a versão original do vírus e pode se propagar ao menos tão rapidamente quanto a chamada variante "Kent", que impulsionou a segunda onda inglesa de infecções.

O Reino Unido colocou a Índia em uma "lista vermelha" de viagens em abril, o que significa que todos os recém-chegados do país sul-asiático --que atravessa a pior onda de Covid-19 do mundo-- têm que ficar em quarentena em um hotel aprovado pelo governo durante 10 dias.

À época, reportagens sugeriram que, como a exigência de quarentena foi anunciada com quatro dias de antecedência, muitas pessoas tentaram voar antecipadamente entre os dois países, que têm laços culturais fortes.

(Reportagem adicional de Sarah Young)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos