Mercado abrirá em 2 h 19 min
  • BOVESPA

    120.294,68
    +997,55 (+0,84%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.329,84
    +826,13 (+1,74%)
     
  • PETROLEO CRU

    62,83
    -0,32 (-0,51%)
     
  • OURO

    1.747,70
    +11,40 (+0,66%)
     
  • BTC-USD

    62.626,64
    -892,74 (-1,41%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.367,88
    -7,90 (-0,57%)
     
  • S&P500

    4.124,66
    -16,93 (-0,41%)
     
  • DOW JONES

    33.730,89
    +53,62 (+0,16%)
     
  • FTSE

    6.966,77
    +27,19 (+0,39%)
     
  • HANG SENG

    28.793,14
    -107,69 (-0,37%)
     
  • NIKKEI

    29.642,69
    +21,70 (+0,07%)
     
  • NASDAQ

    13.877,50
    +78,75 (+0,57%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,7682
    -0,0047 (-0,07%)
     

Regina Duarte é vacinada contra covid após desdenhar do uso do imunizante

Patrick Monteiro
·1 minuto de leitura
Regina Duarte é imunizada contra o coronavírus (reprodução / instagram @reginaduarte)
Regina Duarte é imunizada contra o coronavírus (reprodução / instagram @reginaduarte)

Regina Duarte recebeu a primeira dose da imunização contra o coronavírus nesta semana, em São Paulo. A atriz e ex-secretária de cultura do governo de Jair Bolsonaro chegou a compartilhar posts sobre o tratamento ineficaz que é difundido pelo Governo Federal.

“Era pra ter postado anteontem, na segunda passada”, escreveu Regia no post que aparece um vídeo dela sendo imunizada. Ela ainda publicou sua carteira de vacinação que indica que ela tomará a segunda dose da coronavac em 12/04. O imunizante chegou a ser rejeitado, atacado, e diminuído pelo presidente Jair Bolsonaro.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Leia também

Em janeiro deste ano a ex-secretária compartilhou uma publicação da deputada bolsonarista Carla Zambelli em que ela faz propaganda do “tratamento precoce”, que não existe. Em lugar nenhum do mundo há um medicamento que tenha eficácia comprovada contra a covid-19. “Informação é vida. Bora lá divulgar! Iniciando 2021 com novos conceitos de como nos preservar dos ataques. Sem esquecer a máscara, claro! E lavando sempre as mãos... claro!”, legendou o post.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Regina encerrou, em 2020, seu ciclo de 50 anos na TV Globo para assumir fatidicamente a secretária especial de cultura do Governo de Jair Bolsonaro. À época ela, antes de ser demitida, deu uma entrevista polêmica à CNN Brasil defendendo a ditadura. Durante a conversa ela minimizou os assassinatos cometidos pelo Governo.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

“Se você falar da vida, do lado tem a morte. Sempre houve tortura, censura. Sou leve, estou viva. Estamos vivos, vamos ficar vivos? Não vive quem fica arrastando cordéis de caixões", relativizou.