Mercado abrirá em 9 h 27 min
  • BOVESPA

    121.632,92
    -168,08 (-0,14%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.134,93
    -60,47 (-0,12%)
     
  • PETROLEO CRU

    69,21
    +0,12 (+0,17%)
     
  • OURO

    1.800,10
    -5,00 (-0,28%)
     
  • BTC-USD

    40.385,28
    +1.018,84 (+2,59%)
     
  • CMC Crypto 200

    995,36
    +19,46 (+1,99%)
     
  • S&P500

    4.429,10
    +26,44 (+0,60%)
     
  • DOW JONES

    35.064,25
    +271,55 (+0,78%)
     
  • FTSE

    7.120,43
    -3,43 (-0,05%)
     
  • HANG SENG

    26.117,24
    -87,45 (-0,33%)
     
  • NIKKEI

    27.744,24
    +16,14 (+0,06%)
     
  • NASDAQ

    15.163,00
    -4,75 (-0,03%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2057
    -0,0025 (-0,04%)
     

Redmi Note 10T é oficializado mas já conhecemos ele com outro nome

·2 minuto de leitura

A Xiaomi pegou todo mundo de surpresa quando anunciou recentemente o seu mais novo smartphone intermediário, o Redmi Note 10T. Curiosamente, ele é apenas uma versão renomeada do Redmi Note 10 5G, também usado como base para o Poco M3 Pro 5G, mas com uma diferença importante. O Redmi Note 10T não traz 5G.

Ele traz o mesmo design do Redmi Note 10 5G, contando com um módulo retangular no canto superior esquerdo para abrigar as suas três câmeras e o flash de LED. Na frente, possui um furo centralizado para abrigar a câmera frontal, e o seu leitor biométrico está integrado no botão liga/desliga.

O Redmi Note 10T tem algumas especificações interessantes, sem ter que custar muito mais caro que os irmãos, ainda visando competitividade. Diferente de outros modelos da família, ele não traz a tela Super AMOLED dos irmãos, e conta, então, com um painel com tecnologia IPS LCD de 6,5 polegadas e resolução Full HD+. Uma vantagem, porém, é a taxa de atualização um pouco maior que o padrão, sendo de 90 Hz.

Redmi Note 10T (Imagem: Reprodução/Xiaomi)
Redmi Note 10T (Imagem: Reprodução/Xiaomi)

Em performance, o Redmi Note 10T conta com um processador MediaTek Dimensity 700, que têm desempenho semelhante a outros da série, mas diferente dos demais celulares com o chipset ele não possui suporte a redes 5G. Além disso, ele tem 4 GB ou 6 GB de memória RAM e é oferecido com 64 GB ou 128 GB de espaço para armazenamento interno.

Quanto a câmeras, vemos que ele tem três sensores fotográficos, sendo um principal de 48 MP e outros dois de 2 MP cada, um para macro e outro para coletar dados de profundidade de campo para auxiliar no modo retrato. A sua bateria é de 5.000 mAh com carregamento de 18 watts.

Preço e disponibilidade

O Redmi Note 10T chegou ao mercado russo com preço a partir de 19.990 rublos, cerca de R$ 1.360 em conversão direta ao real e sem a adição dos impostos nacionais. Ainda não existem informações sobre o lançamento em outros países.

Redmi Note 10T: ficha técnica

  • Tela: 6,5 polegadas, IPS LCD DotDisplay, 90 Hz AdaptiveSync, Full HD+;

  • Chipset: MediaTek Dimensity 700 Octa-core (4x2.2 GHz Cortex-A76 & 4x2.0 GHz Cortex-A55);

  • Memória RAM: 4 e 6 GB;

  • Armazenamento interno: 64 e 128 GB;

  • Câmera traseira: 48 MP (principal, f/1.79) + 2 MP (macro, f/2.4) + 2 MP (profundidade, f/2.4);

  • Câmera frontal: 8 MP;

  • Dimensões: 161.81 x 75.34 x 8.92mm;

  • Peso: 190g;

  • Bateria: 5.000 mAh;

  • Extras: recarga de 18 W, leitor de digitais na lateral, NFC, IR Blaster;

  • Sistema operacional: Android 11.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos