Mercado abrirá em 8 h 37 min
  • BOVESPA

    125.052,78
    -1.094,22 (-0,87%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.268,45
    +27,95 (+0,06%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,67
    -0,40 (-0,56%)
     
  • OURO

    1.806,60
    +4,80 (+0,27%)
     
  • BTC-USD

    38.363,10
    +4.188,02 (+12,25%)
     
  • CMC Crypto 200

    917,70
    +123,97 (+15,62%)
     
  • S&P500

    4.411,79
    +44,31 (+1,01%)
     
  • DOW JONES

    35.061,55
    +238,15 (+0,68%)
     
  • FTSE

    7.027,58
    +59,28 (+0,85%)
     
  • HANG SENG

    26.527,06
    -794,92 (-2,91%)
     
  • NIKKEI

    27.861,12
    +313,12 (+1,14%)
     
  • NASDAQ

    15.087,25
    -10,75 (-0,07%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1233
    +0,0017 (+0,03%)
     

Redmi Note 10 Pro ganha 2 GB de memória RAM virtual em atualização

·2 minuto de leitura
Redmi Note 10 Pro ganha 2 GB de memória RAM virtual em atualização
Redmi Note 10 Pro ganha 2 GB de memória RAM virtual em atualização

A Xiaomi lançou na China uma atualização que permite uma expansão da memória RAM virtual do Redmi Note 10 Pro em até 2 GB. O recurso, que vem sendo comentado há algumas semanas, possibilita que a MIUI 12, de forma temporária, reposicione informações da memória física do smartphone para a RAM. Com isso, o Note 10 Pro, um celular com hardware intermediário, ganha 2 GB de RAM em performance, o que significa, dependendo da configuração do modelo (6 ou 8 GB), um potencial de leitura total pelo dispositivo de até 10 GB.

Por enquanto, o recurso está disponível apenas em solo chinês. No entanto, como se trata de um patch leve, é possível que esteja disponível em breve para todas as unidades do Note 10 Pro pelo mundo.

A atualização lançada pela Xiaomi expande os recursos de multitarefa no celular e permite aos usuários que mantenham um maior número de apps em execução simultânea. De acordo com a empresa chinesa, o recurso é ativado somente quando a memória RAM no smartphone não é capaz de executar tais tarefas. Se acionado, o Note 10 Pro ganha o “boost” de 2 GB no desempenho. O update é realizado via OTA (over-the-air), isto é, de forma automática.

Intermediário com cara de premium

Lançado em março deste ano, o Redmi Note 10 Pro traz um hardware robusto para um modelo intermediário: são 128 GB de armazenamento interno expansível e 6 GB de memória RAM com processador Snapdragon 732G. Além disso, o modelo vem com um módulo de câmera traseira quádrupla – 108 MP no sensor principal — e uma superbateria de 5020 mAh.

Por aqui, o Redmi Note 10 começou a ser vendido na semana passada. Em terras tupiniquins, a versão mais cara, a Pro, sai por R$ 2,9 mil.

Via GSM Arena

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos