Mercado fechado
  • BOVESPA

    115.202,23
    +2.512,23 (+2,23%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    46.342,54
    +338,34 (+0,74%)
     
  • PETROLEO CRU

    66,28
    +0,19 (+0,29%)
     
  • OURO

    1.698,20
    -0,30 (-0,02%)
     
  • BTC-USD

    50.051,61
    +1.490,94 (+3,07%)
     
  • CMC Crypto 200

    982,93
    +39,75 (+4,21%)
     
  • S&P500

    3.841,94
    +73,47 (+1,95%)
     
  • DOW JONES

    31.496,30
    +572,20 (+1,85%)
     
  • FTSE

    6.630,52
    -20,36 (-0,31%)
     
  • HANG SENG

    29.098,29
    -138,51 (-0,47%)
     
  • NIKKEI

    28.864,32
    -65,78 (-0,23%)
     
  • NASDAQ

    12.652,50
    -11,25 (-0,09%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,7806
    -0,0053 (-0,08%)
     

Redmi K40 tem tela, câmeras e bateria revelados em grande vazamento

Igor Almenara
·3 minuto de leitura

Novos rumores sugerem ainda mais informações do próximo lançamento da subsidiária Xiaomi, o Redmi K40. A linha, que parece ser composta por um trio, teve preço, tela e câmeras reveladas no mais recente vazamento e preparam a expectativa do mercado para o que pode ser o celular com a “menor recorte para sensor frontal do mundo”, no display AMOLED mais caro da indústria.

Ao que as informações obtidas pelo GSM Arena, o Redmi K40 será acompanhado por outras duas versões: o K40 Pro e K40S — que ainda permanece um mistério. A novidade da vez é que o conjunto não será uniforme em processamento, sendo o mais básico deles equipado com o processador Qualcomm Snapdragon 870, enquanto os dois outros supostamente carregariam o Snapdragon 888.

Em termos de câmeras, a parte traseira surpreende ao contrariar as especulações anteriores baseadas na análise de fotografias: o conjunto de câmeras parece ser composto por três sensores ao invés de quatro. Dois grandes sensores são bastante evidentes na traseira, enfileirados na vertical, enquanto o terceiro fica no entre a dupla; contudo, o quarto espaço vago ainda não tem propósito definido.

(Imagem: Reprodução/GSM Arena)
(Imagem: Reprodução/GSM Arena)

Até o momento, somente a lente principal foi destrinchada. Ela teria resolução de 108 MP, configurando-a como o primeiro smartphone da subsidiária a ser equipada com tamanha resolução. As demais, tampouco tiveram suas aberturas e ângulos de visão definidos, mas é bastante provável que sejam uma câmera grande angular — de 8 e 13 MP, para o K40 e K40 Pro, respectivamente — e outra dedicada à macros, de 5 MP em todos os modelos.

A “tela mais cara” com o menor recorte do mundo

A tela frontal revela novidades ainda mais interessantes. Fotografias compartilhadas no Weibo mostram uma dupla composta por um display de aproximadamente 6,81 polegadas, no painel AMOLED QuadHD+ com taxa de atualização de 120 Hz — a tão exaltada “tela mais cara do mercado” citada pelo executivo Lu Weibing.

(Imagem: GizChina/Reprodução)
(Imagem: GizChina/Reprodução)

Outra surpreendente informação está no recorte para câmera frontal. A lente parece ocupar um pequeno buraco na tela de 2,8 mm de diâmetro, o menor espaço do mundo, com altíssimo aproveitamento do painel na área frontal do aparelho. Resolução, abertura e recursos extras sobre ela ainda não foram revelados.

As variações do trio Redmi K40

De acordo com o que foi exposto na internet, os Redmi K40 serão uma aposta agressiva da Xiaomi no mercado de topo de linha. O trio contaria com as mesmas especificações de telha e, provavelmente, configurações semelhantes nas câmeras; contudo, se diferenciariam na capacidade da bateria, memória RAM, processador e armazenamento.

O modelo mais barato combinaria o Snapdragon 870 com 6 GB de RAM e 128 GB de armazenamento UFS 3.1, alimentado por 4.500 mAh de bateria, segundo capturas de tela da seção “Sobre este sistema” da MIUI 12. O Redmi K40 seria vendido por 2.000 iuanes, algo próximo de R$ 1.680 em conversão direta.

(Imagem: Reprodução/GizChina)
(Imagem: Reprodução/GizChina)

Somente o preço revelado distingue a versão mais básica das demais. O modelo mais caro, provavelmente o Redmi K40 Pro, deve ser vendido por 2.999 ienes (R$ 2500) com 5.000 mAh de bateria. O Redmi K40S, por sua vez, só teve nome revelado. Em nenhum dos casos foram determinadas as velocidades de recarga, mas há a certeza de que a presença do carregador na caixa será opcional.

A data de lançamento continua a mesma: 25 de fevereiro, como revelado pelo executivo Lu Weibing. Entretanto, há a possibilidade do trio não ser apresentado ao mesmo tempo. Ainda não há previsão para lançamento internacional do Redmi K40, tampouco sua chegada ao Brasil.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: