Mercado fechado

Redmi K30 vende mais de um milhão de unidades na China em apenas três meses

Diego Sousa

A Redmi, subsidiária da Xiaomi, anunciou o Redmi K30 em dezembro de 2019 como um dos primeiros smartphones equipados com o novo processador Snapdragon 765G 5G. O modelo será seguido de uma versão Pro, que deverá ser apresentado neste mês com processador mais potente e melhores câmeras.

Mas, enquanto o Redmi K30 Pro não chega ao mercado, a Xiaomi China divulgou alguns feitos importantes alcançados da versão intermediária da nova linha. De acordo com dados internos, o Redmi K30 já vendeu mais de um milhão de unidades na China.

O resultado foi alcançado considerando as versões 5G e 4G do aparelho, essa última foi lançada para cobrir as áreas em que a nova tecnologia ainda não está presente. Além disso, vale lembrar que isso foi feito em apenas três meses, mostrando a força que a chinesa tem em seu país.

Redmi K30 tem configurações potentes para um intermediário (Foto: Reprodução/Redmi)

O Redmi K30 é um smartphone intermediário premium, pois possui algumas características só vistas em topos de linha. Começando pela sua tela de 120Hz de taxa de atualização - um dos destaques do Galaxy S20 -, que entrega uma navegação mais fluida e suave. Ela tem 6,67 polegadas, resolução Full HD+ e tecnologia IPS LCD.

Assim como o Galaxy S10+, o Redmi K30 traz um design sem notch e bordas mínimas, apenas com um furo na tela para acomodar duas câmeras frontais (20MP + 2MP).

Na traseira, há quatro câmeras: principal de 64MP com abertura de f/1.9 e tecnologia Quad Pixel, ou seja, combina quatro pixels em um para melhorar a qualidade e nitidez; a segunda é uma ultrawide (ultra grande-angular) de 8MP com abertura de f/2.2 e ângulo de 120 graus; a terceira é um sensor de profundidade de 2MP; e a última tem 5MP e lente macro, que deve ajudar em fotos com objetos mais próximos - no Redmi K30 4G, a resolução cai para 2MP.

O Redmi K30 foi apresentado com duas versões. A versão 5G trouxe o novo chipset Snapdragon 765G, um octa-core com clock máximo de 2.4GHz e GPU Adreno 620. Já a versão 4G possui o Snapdragon 730G, também octa-core, mas com clock máximo de 2.2GHz. Nas duas versões, há opções com 6 ou 8GB de memória RAM e 64, 128 ou 256GB de armazenamento interno. A bateria é de 4500 mAh, mas o Redmi K30 5G traz carregamento rápido de 30W, enquanto o K30 4G é de 27W.

Com todas essas configurações, seu preço é o grande diferencial. A versão mais potente, com Snapdragon 765G 5G, 8GB de RAM e 256GB de armazenamento, tem o preço sugerido de 2,899 yuans no mercado chinês, o que equivale, aproximadamente, a R$ 1.700. A fabricante ainda não informou quando lançará a versão global do Redmi K30.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: