Mercado fechado
  • BOVESPA

    107.829,73
    -891,85 (-0,82%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    53.335,51
    -713,54 (-1,32%)
     
  • PETROLEO CRU

    77,47
    +0,33 (+0,43%)
     
  • OURO

    1.886,20
    +1,40 (+0,07%)
     
  • BTC-USD

    23.306,45
    +523,04 (+2,30%)
     
  • CMC Crypto 200

    538,23
    +12,28 (+2,33%)
     
  • S&P500

    4.164,00
    +52,92 (+1,29%)
     
  • DOW JONES

    34.156,69
    +265,67 (+0,78%)
     
  • FTSE

    7.864,71
    +28,00 (+0,36%)
     
  • HANG SENG

    21.298,70
    +76,54 (+0,36%)
     
  • NIKKEI

    27.496,12
    -189,35 (-0,68%)
     
  • NASDAQ

    12.746,50
    -30,25 (-0,24%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5782
    +0,0011 (+0,02%)
     

Redmi 12C estreia com chip MediaTek e diversos downgrades

Aproveitando a estreia da família K60 e do Redmi Note 12 Pro Speed Edition, a Xiaomi apresentou nesta semana o Redmi 12C, novidade para o segmento de smartphones básicos da marca. Sucessor do Redmi 10C, o lançamento traz algumas novidades, como o visual mais alinhado à família Note e maiores capacidades de memória e armazenamento, mas sofre simplificações em áreas como processamento e recarga.

O novo smartphone da Xiaomi vem equipado com processador MediaTek Helio G85, solução que, curiosamente, é inferior ao Snapdragon 680 utilizado na geração anterior — segundo benchmarks, o desempenho é, em média, 10% menor. Em compensação, há mais memória, com 4 GB ou 6 GB de RAM e 64 GB ou 128 GB de armazenamento, bem como possibilidade de expansão via cartões MicroSD de até 512 GB.

O Redmi 12C estreia com novidades interessantes, como o visual repaginado, mas sofre downgrades significativos em áreas como processamento e recarga
O Redmi 12C estreia com novidades interessantes, como o visual repaginado, mas sofre downgrades significativos em áreas como processamento e recarga

A tela é a mesma do modelo antigo, com painel IPS LCD de 6,71 polegadas, resolução HD+ de 1650 x 720 pixels, taxa de atualização de 60 Hz e brilho típico de 500 nits. Por outro lado, as bordas estão levemente menores, graças ao design repaginado do 12C. Construído em plástico, o celular tem listras texturizadas pelo corpo, chega nas cores preto, azul, verde e lavanda, e emprega elementos de modelos mais avançados, como o módulo de câmeras.

Apesar disso, as lentes são bastante básicas: o conjunto é composto de sensor de selfies de 5 MP, e uma dupla de câmeras traseiras com sensor principal de 50 MP e auxiliar para cálculo de profundidade de 2 MP. Já na bateria, o lançamento adota uma célula de 5.000 mAh, com mais um dos downgrades — recarga de apenas 10 W, contra 18 W do antecessor. Isso é reflexo da troca da porta USB-C por uma micro USB, decisão extremamente duvidosa por parte da gigante.

Completam a ficha técnica a conectividade 4G, Wi-Fi 5 Dual Band, Bluetooth 5.1, conector P2 para fones de ouvido, leitor de digitais na traseira e som mono — a ausência de NFC é mais uma das simplificações, considerando que o 10C possuía a tecnologia. Por fim, o sistema operacional é citado apenas como "MIUI 13", em "versão especial com otimizações", sendo possivelmente baseado no Android 12.

Preço e disponibilidade

O Redmi 12C já está à venda na China, com os seguintes preços sugeridos:

  • 4 GB/64 GB — 699 yuan (~R$ 540)

  • 4 GB/128 GB — 799 yuan (~R$ 615)

  • 6 GB/128 GB — 899 yuan (~R$ 690)

Não há informações sobre disponibilidade do aparelho em outros mercados, ainda que a probabilidade seja alta. O Redmi 10C foi lançado no Brasil e, portanto, caso realmente chegue a mais regiões, é muito possível que a novidade também seja trazida para cá.

Redmi 12C: ficha técnica

  • Tela: IPS LCD de 6,71 polegadas, resolução HD+ de 1650 x 720 pixels, taxa de atualização de 60 Hz, brilho de até 500 nits

  • Processador: MediaTek Helio G85

  • Memória RAM: 4 GB ou 6 GB

  • Armazenamento: 64 GB ou 128 GB

  • Câmera traseira: 50 MP (Principal) + 2 MP (Profundidade)

  • Câmera frontal: 5 MP

  • Dimensões: 168,8 x 76,4 x 8,8 mm

  • Peso: 192 g

  • Bateria: 5.000 mAh com recarga de 10 W

  • Extras: 4G, Wi-Fi 5 Dual Band, Bluetooth 5.1, micro USB, conector P2, som mono, leitor de digitais na traseira, expansão via MicroSD de até 512 GB

  • Cores disponíveis: preto, azul, verde e lavanda

  • Sistema operacional: Android 12, sob a MIUI 13 em versão especial

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: