Mercado fechará em 2 h 15 min

Redes sociais chegam a 4 bilhões de usuários no mundo, segundo relatório

·1 minuto de leitura

Mais de 53% dos habitantes do planeta possuem uma conta em alguma rede social, um número que cresceu em 2020, marcado por uma explosão da atividade digital devido a pandemia, segundo um relatório divulgado nesta quarta-feira (27).

O número de usuários aumentou 13% em um ano, até 4,2 bilhões, segundo a agência We Are Social, que publica anualmente este estudo, em associação com o especialista em redes sociais Hootsuite.

Cada "socionauta" utiliza em média 8 redes sociais. Em primeiro lugar, sem dúvida, aparece o Facebook, com 2,7 bilhões de usuários no terceiro trimestre de 2020. No entanto, seu público está envelhecendo.

Por outro lado, o número de internautas disparou 7,3% em 2020 e alcançou 4,7 bilhões de pessoas, um número que varia segundo as fontes entre 4 e 5 bilhões.

Mas existe uma grande disparidade regional: o índice de utilização na América do Norte e Europa Ocidental e do Norte é de 90%, mas em algumas regiões da África é de apenas 24%.

No mundo, os internautas se conectam em média 6 horas e 54 minutos por dia. Passam 2h25 nas redes sociais, em comparação com uma média de 3h24 de quem assiste à televisão.

Na lista de sites mais visitados, o Google e sua subsidiária, Youtube, ocupam os primeiros lugares.

De acordo com o relatório, o mercado global da publicidade online aumentou a 355,6 bilhões de dólares (+6,5% anual), dos quais US$ 152,7 bilhões concentrados nos sites de busca e US$ 97,7 bilhões nas redes sociais.

jub/mch/Lys/app/mb/gf/mvv