Mercado fechado
  • BOVESPA

    110.036,79
    +2.372,79 (+2,20%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    44.626,80
    -475,80 (-1,05%)
     
  • PETROLEO CRU

    79,74
    -1,49 (-1,83%)
     
  • OURO

    1.668,30
    -0,30 (-0,02%)
     
  • BTC-USD

    19.175,53
    -92,29 (-0,48%)
     
  • CMC Crypto 200

    443,49
    +0,06 (+0,01%)
     
  • S&P500

    3.585,62
    -54,85 (-1,51%)
     
  • DOW JONES

    28.725,51
    -500,09 (-1,71%)
     
  • FTSE

    6.893,81
    +12,22 (+0,18%)
     
  • HANG SENG

    17.222,83
    +56,93 (+0,33%)
     
  • NIKKEI

    25.937,21
    -484,89 (-1,84%)
     
  • NASDAQ

    11.058,25
    -170,00 (-1,51%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,3079
    +0,0099 (+0,19%)
     

Rede 5G chega a mais 7 capitais brasileiras

A Anatel libera, a partir desta segunda-feira (19), a rede 5G em mais sete capitais brasileiras, são elas: Aracaju, Boa Vista, Campo Grande, Cuiabá, Maceió, São Luís e Teresina. A decisão foi anunciada na quarta-feira (14) pelo grupo da agência responsável pela limpeza das faixas para a operação da quinta geração de internet móvel.

O contrato cita que as operadoras Claro, TIM e Vivo terão até o dia 27 de novembro para instalar um número mínimo de estações nessas cidades, sendo oito em Aracaju, cinco em Boa Vista, 11 em Campo Grande, oito em Cuiabá, 13 em Maceió, 14 em São Luís e 11 em Teresina.

A rede 5G promete uma conexão até 10x mais veloz que a sua antecessora (Imagem: Freepik/Reprodução)
A rede 5G promete uma conexão até 10x mais veloz que a sua antecessora (Imagem: Freepik/Reprodução)

No início do mês, a rede 5G pura foi liberada nas capitais nordestinas Fortaleza, Natal e Recife. Até o momento, as cinco capitais que ainda não tiveram a internet de 5ª geração habilitada estão localizadas na Região Norte do país, são elas: Belém (PA), Macapá (AP), Manaus (AM), Porto Velho (RO) e Rio Branco (AC).

O Conselho Diretor da Anatel decidiu que a tecnologia precisa ser liberada em todas as capitais até o dia 28 de outubro. A partir desta data, as operadoras de telecomunicação terão mais 30 dias para ativar o sinal. Vale ressaltar que, nas capitais onde a rede já foi ativada, a conectividade 5G só está disponível para dispositivos compatíveis.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: