Mercado abrirá em 7 h 22 min

Recurso novo do Android 11 está prejudicando o uso do Google Fotos

Ramon de Souza
·2 minutos de leitura

Se você usa o Google Fotos com frequência, atualizou para o Android 11 e seu celular não faz parte da família Pixel, temos más notícias para você. Uma mudança em uma das APIs do sistema operacional — que deveria ser benéfica para os usuários — está arruinando a experiência de quem utiliza o serviço de armazenamento de imagens do próprio Google; a não ser, novamente, que seu aparelho seja fabricado pela marca.

Vamos explicar. A mais nova compilação do SO possui uma funcionalidade chamada de Scoped Storage (ou armazenamento em escopo, em uma tradução livre), que foi implementada para impedir que qualquer aplicativo tenha acesso completo à memória de seu celular e faça alterações em arquivos sem a sua devida permissão. Isso, na teoria, lhe traz segurança de que apps maliciosos não vão lhe espionar ou apagar documentos.

Na prática, porém, essa política rígida está atrapalhando o funcionando do próprio Google Fotos. O armazenamento em escopo só não aplica suas políticas rígidas com o aplicativo-padrão para determinado recurso do smartphone, mas o Gigante das Buscas resolveu que o aplicativo-padrão para visualizar e gerenciar fotografias sempre será a galera nativa pré-instalada pela fabricante do gadget.

<em>Imagem: Reprodução/AndroidPolice</em>
Imagem: Reprodução/AndroidPolice

Isso significa que, ao tentar apagar uma série de arquivos pelo Fotos, o sistema operacional vai “pipocar” um monte de janelas popup pedindo que você autorize o software a fazer isso. O mesmo ocorrerá caso você use a ferramenta em mais de um dispositivo — ao editar uma imagem pelo navegador, por exemplo, o Android vai requerer uma confirmação de que a fotografia deve ser modificada assim que você abrir o aplicativo no smartphone.

Como dissemos anteriormente, trata-se de uma mudança estrutural feita para proteger a privacidade dos usuários e, infelizmente, não há muito o que fazer sobre isso. Até que o Google resolva consertar o problema, os únicos sortudos que não serão incomodados com tais popups serão os donos de smartphones Pixel — que, por serem fabricados pelo Gigante das Buscas, têm como app-padrão de galeria o próprio Google Fotos.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: