Recuperação de crédito bate recorde no País

SÃO PAULO – Entre janeiro e outubro de 2012, cerca de 16 milhões de consumidores renegociaram o pagamento de contas atrasadas. Segundo estudo a Serasa Experian, o dado representa um recorde no número de brasileiros que procuraram os credores para pagar dívidas em atraso e limpar o nome este ano.

Frente ao mesmo período do ano passado, houve aumento de 16,3%. Por outro lado, o número de pessoas que entraram na base de inadimplentes no mesmo período foi de 2,5 milhões, com alta de 9,5%, na mesma base comparativa.

“O bom momento vivido pelo mercado de trabalho no país, com as taxas de desemprego em patamares baixos e ganhos salariais acima da inflação, está motivando as pessoas a quitar suas dívidas”, afirma o presidente da Serasa Experian e da Experian América Latina, Ricardo Loureiro.

Dicas para renegociar
Para quem está endividado ou inadimplente e perdeu o controle das dívidas, o primeiro passo é buscar a renegociação. O consumidor deve utilizar o 13º salário para organizar sua vida financeira. Ele mesmo pode regularizar suas dívidas diretamente com os credores, sem precisar contratar serviços de terceiros. Veja abaixo dez dicas simples elaboradas pela Serasa Experian para uma renegociação bem sucedida:

1ª Antes de renegociar, faça as contas e leve anotada uma proposta dentro do seu orçamento. Dica: Jamais recorra ao cheque especial ou a empréstimos com taxas muito altas. Busque opções mais baratas, como o crédito consignado, por exemplo.

2ª Na hora de renegociar, leve as contas em atraso, cartas de cobrança e outros documentos que possam ajudar na negociação.

3ª Avalie com calma as suas reais condições financeiras para pagar as dívidas: se você precisa de prazo, de desconto, ou das duas coisas.

4ª Fale abertamente com o atendente que irá avaliar o seu caso, deixando claro os motivos que fizeram você deixar de pagar as contas.

5ª Ouça a proposta que o atendente irá lhe apresentar e, caso não esteja acessível a você, procure apresentar uma sugestão mais próxima das suas condições.

6ª Ao fechar a renegociação, lembre-se sempre de pegar o comprovante que formaliza o acordo sobre o pagamento da dívida.

7ª Não caia no golpe de supostas empresas que dizem recuperar o seu crédito de maneiras milagrosas.

8ª As únicas formas de regularizar uma dívida são efetuando o pagamento ou fazendo um acordo formal com a empresa credora.

9ª Você mesmo pode renegociar a sua dívida e não precisa pagar a ninguém para fazer isso.

10ª A renegociação de dívidas mostra que você quer pagar o que deve e é o único caminho para a solução de seus problemas financeiros. Valorize essa oportunidade e cumpra o acordo realizado.

Carregando...