Mercado abrirá em 7 h 19 min
  • BOVESPA

    96.582,16
    +1.213,40 (+1,27%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    36.801,37
    -592,34 (-1,58%)
     
  • PETROLEO CRU

    36,31
    +0,14 (+0,39%)
     
  • OURO

    1.875,90
    +7,90 (+0,42%)
     
  • BTC-USD

    13.442,15
    -45,08 (-0,33%)
     
  • CMC Crypto 200

    263,57
    +20,89 (+8,61%)
     
  • S&P500

    3.310,11
    +39,08 (+1,19%)
     
  • DOW JONES

    26.659,11
    +139,16 (+0,52%)
     
  • FTSE

    5.581,75
    -1,05 (-0,02%)
     
  • HANG SENG

    24.580,22
    -6,38 (-0,03%)
     
  • NIKKEI

    23.203,53
    -128,41 (-0,55%)
     
  • NASDAQ

    11.207,50
    -135,25 (-1,19%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,7520
    +0,0064 (+0,09%)
     

Record é criticada após black face em quadro de humor: “Desserviço em pleno 2020”

Bárbara Saryne
·2 minutos de leitura
Foto: Reprodução/RecordTV
Foto: Reprodução/RecordTV

Não tem como achar graça nos quadros de humor da Record. Essa é a sensação da maioria dos internautas que acompanham ‘A Fazenda 12’. O quadro do humorista Carioca, que vai ao ar todas as quintas, é forçado, ultrapassado, e não entrega o que o público espera.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 minuto e receba todos os seus e-mails em um só lugar

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Google News

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Instagram, Facebook e Twitter

No dia da eliminação de Carol Narizinho, a atração tinha tudo para ter um final feliz, mas acabou vacilando. Carioca resolveu ironizar a briga de Luiza Ambiel com Tays e Lidi por causa de uma música do grupo Raça Negra. O assunto está entre os mais comentados desde o último fim de semana e a paródia criada por ele até que foi uma sacada. O público, porém, nem teve tempo para rir.

Leia também

O humorista estragou tudo ao pintar o rosto para imitar Luiz Carlos, vocalista do grupo de pagode. Black Face é racismo e não deve ser encarado como humor. Pintar o rosto, usar peruca com cabelo crespo e/ou maquiagem para reproduzir um nariz avantajado, com o intuito de ridicularizar pessoas negras para o entretenimento de brancos, já foi uma prática muito comum na televisão.

Com o passar do tempo, muitos discussões sobre o tema foram feitas e ninguém imaginava que em pleno 2020 pudesse passar batido em um reality que alcança a liderança em audiência e conta com uma equipe gigantesca nos bastidores. Será que nenhum funcionário parou para pensar que isso seria horrível?

Nas redes sociais, o nome de Carioca ficou entre os mais comentados na madrugada desta sexta-feira (16). “Ainda estou chocado que em pleno 2020 uma emissora do tamanho da Record tenha autorizado um cara a fazer black face fazendo de conta que isso é humor”, disse um telespectador. “Pessoas pretas não são personagens, cometer black face é racismo. A comunidade preta brasileira já explicou o quanto isso é errado. Não somos piadas”, reclamou outro.

A emissora ainda não se pronunciou sobre o assunto.