Receitas administradas têm pior resultado desde 2009

Influenciada pelo fraco crescimento da economia, a arrecadação das receitas administradas pela Receita Federal apresentou em 2012 o pior resultado desde 2009. Números divulgados nesta quarta-feira mostram que a arrecadação das receitas administradas (que exclui taxas e contribuições cobradas por outros órgãos) teve um desempenho próximo a zero em 2012, com alta de 0,27% em relação a 2011. Em 2010 e 2011, a arrecadação teve uma alta real na casa dos 10%. Em 2009, a arrecadação registrou queda de 2,74% puxada pelo impacto da crise financeira na época na economia brasileira.

No início de 2012, o governo previa um crescimento de 3,5% a 4,0% da arrecadação, mas ao longo de 2012 foi revisando suas estimativas porque o crescimento mais baixo e o aumento das desonerações tributárias concedidas pelo governo tiveram um forte impacto na arrecadação. Em outubro, a Agência Estado antecipou que a arrecadação ficaria próxima de zero, como ocorreu. Naquele momento, o governo ainda insistia publicamente em que seria possível crescer em torno de 2%.

Carregando...