Mercado fechado

Receita sobe, mas prejuízo da Neon aumenta 153% em 2019

Marcus Couto
·1 minuto de leitura
Fintech Neon registrou prejuízos em 2019
Fintech Neon registrou prejuízos em 2019

Os prejuízos da fintech Neon, que opera no Brasil oferecendo serviços financeiros de conta digital e cartão de crédito sem anuidade, aumentaram 153% em 2019 em relação ao ano anterior. As informações foram divulgadas pela própria empresa.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Finanças no Google News

Em 2019, os prejuízos foram de cerca de R$ 105,3 milhões. No ano anterior, foram de R$ 41,6 milhões.

Leia também

O crescimento nos gastos da empresa ajudam a explicar o resultado: eles saltaram 377,5% em 2019. De R$ 35,1 milhões em 2018 para R$ 167,6 milhões em 2019.

Esses investimentos fizeram aumentar a receita da empresa, que subiu 387,8% em 2019: de R$ 4,9 milhões em 2018 para R$ 23,9 milhões em 2019.

O espaço das fintechs – termo usado para se referir a empresas de tecnologia investindo em novas soluções financeiras – é um dos mais aquecidos e disputados atualmente, com startups investindo pesado no curto prazo na tentativa de assegurar grandes faturamentos no longo período.

Em comunicado, a Neon destaca essa estratégia:

“Prevemos continuar a crescer de forma acelerada, e ao longo deste ano faremos a ampliação da oferta de crédito, bem como o lançamento de novos produtos.”

Assine agora a newsletter Yahoo em 3 Minutos

Siga o Yahoo Finanças no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube