Mercado abrirá em 8 h 23 min
  • BOVESPA

    113.430,54
    +1.157,53 (+1,03%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    54.564,27
    +42,84 (+0,08%)
     
  • PETROLEO CRU

    79,14
    +0,27 (+0,34%)
     
  • OURO

    1.942,00
    -3,30 (-0,17%)
     
  • BTC-USD

    23.086,34
    +216,80 (+0,95%)
     
  • CMC Crypto 200

    524,33
    +5,54 (+1,07%)
     
  • S&P500

    4.076,60
    +58,83 (+1,46%)
     
  • DOW JONES

    34.086,04
    +368,95 (+1,09%)
     
  • FTSE

    7.771,70
    -13,17 (-0,17%)
     
  • HANG SENG

    21.885,22
    +42,89 (+0,20%)
     
  • NIKKEI

    27.376,22
    +49,11 (+0,18%)
     
  • NASDAQ

    12.100,75
    -51,25 (-0,42%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5094
    -0,0062 (-0,11%)
     

Receita Federal deposita hoje mais um lote residual de Imposto de Renda

Nesta quarta-feira (dia 30), a Receita Federal paga mais um lote residual de Imposto de Renda da Pessoa Física (IRPF), com a inclusão de 556.685 contribuintes. O total depositado é de R$ 1,2 bilhão. A restituição é creditada na conta bancária indicada na declaração de Imposto de Renda, de forma direta ou por indicação de chave Pix.

Segundo o Fisco, do total liberado, R$ 607,9 milhões estão sendo pagos àqueles com prioridade de recebimento prevista em lei, sendo 15.889 idosos acima de 80 anos, 115.654 pessoas entre 60 e 79 anos, 10.306 cidadãos com alguma deficiência física ou mental ou moléstia grave, e 47.774 profissionais cuja maior fonte de renda é o magistério.

Além disso, estão contemplados 367.062 contribuintes não prioritários.

Como consultar

Para saber se foi incluído neste lote residual, o contribuinte deve acessar a página da Receita Federal e clicar em "Meu Imposto de Renda". Em seguida, deve selecionar "Consultar a restituição". A página permite fazer uma consulta simplificada ou completa da situação da declaração, por meio do extrato de processamento, acessado no e-CAC.

Em caso de alguma pendência na declaração, o interessado pode retificar o documento.

Outra opção de consulta é o aplicativo Pessoa Física, clicando em "Consulta Restituição".

Pagamento

Se, por algum motivo, o crédito não for realizado na conta indicada pelo contribuinte (a conta informada foi desativada, por exemplo), os valores ficarão disponíveis para resgate por até um ano no Banco do Brasil (BB).

Nesse caso, o cidadão pode reagendar o crédito dos valores de forma simples e rápida pelo Portal BB, acessando o endereço https://www.bb.com.br/irpf, ou ligar para a central de relacionamento BB, por meio dos telefones 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (telefone especial exclusivo para deficientes auditivos).

Caso não resgate o valor de sua restituição no prazo de um ano, o contribuinte deverá requerê-lo pelo Portal e-CAC, disponível no site da Receita Federal, acessando o menu Declarações e Demonstrativos > Meu Imposto de Renda e clicando em "Solicitar restituição não resgatada na rede bancária".