Mercado abrirá em 5 h 32 min
  • BOVESPA

    110.035,17
    -2.220,83 (-1,98%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    44.592,91
    +282,61 (+0,64%)
     
  • PETROLEO CRU

    62,68
    +1,18 (+1,92%)
     
  • OURO

    1.753,60
    +24,80 (+1,43%)
     
  • BTC-USD

    46.180,11
    +1.303,86 (+2,91%)
     
  • CMC Crypto 200

    922,32
    -10,82 (-1,16%)
     
  • S&P500

    3.811,15
    -18,19 (-0,48%)
     
  • DOW JONES

    30.932,37
    -469,63 (-1,50%)
     
  • FTSE

    6.483,43
    -168,53 (-2,53%)
     
  • HANG SENG

    29.416,76
    +436,55 (+1,51%)
     
  • NIKKEI

    29.663,50
    +697,49 (+2,41%)
     
  • NASDAQ

    13.107,25
    +196,25 (+1,52%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,7603
    +0,0020 (+0,03%)
     

Realme dobra base de usuários e é a fabricante que mais cresce em 2020

Felipe Junqueira
·2 minuto de leitura

A Realme é a atual dona da marca de fabricante de celular a atingir 50 milhões de unidades vendidas em menos tempo na história, ao chegar à marca em apenas nove trimestres — contra dez trimestres da Samsung. Recém-chegada ao Brasil, a chinesa agora celebra o crescimento em 2020, ano em que a maior parte das empresas de smartphones tiveram queda.

A companhia fechou 2020 com 42 milhões de unidades vendidas no ano passado, segundo dados da empresa de pesquisa Counterpoint. O relatório aponta a Realme como uma das únicas grandes marcas a crescer durante o ano de 2020, atingindo o sétimo lugar entre as maiores fabricantes de smartphones do planeta, com crescimento de 65% na comparação ano a ano.

Em janeiro de 2020, a empresa chinesa estava presente em 35 mercados, e fechou o ano com atuação em 61 países. A Realme anunciou o início das operações no Brasil ainda em 2020, apesar de só ter começado as vendas de produtos com estoque localizado no início de janeiro de 2021.

Fabricante chinesa celebra crescimento em 2020 (Imagem: Divulgação/Realme)
Fabricante chinesa celebra crescimento em 2020 (Imagem: Divulgação/Realme)

De acordo com os dados divulgados pela própria companhia, a base de usuários dobrou, passando de 25 milhões no início de 2020 para mais de 50 milhões atualmente.

A marca já tem à venda no Brasil dois celulares da série Realme 7, um fone de ouvido sem fio e um relógio inteligente, e deve anunciar mais produtos nos próximos meses. O Canaltech tem uma análise do Realme 7 Pro para quem estiver interessado no celular que tem como um dos grandes diferenciais o carregador de 65 W na caixa.

Você contribuiu com esse número impressionante de vendas da Realme? Conte-nos aí embaixo no campo de comentários qual é o modelo do seu celular.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: