Mercado fechará em 3 h 16 min
  • BOVESPA

    108.327,82
    -2.458,61 (-2,22%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.874,86
    -423,34 (-0,81%)
     
  • PETROLEO CRU

    81,05
    -2,37 (-2,84%)
     
  • OURO

    1.780,50
    -4,40 (-0,25%)
     
  • BTC-USD

    62.872,50
    -3.771,20 (-5,66%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.482,52
    -52,13 (-3,40%)
     
  • S&P500

    4.530,06
    -6,13 (-0,14%)
     
  • DOW JONES

    35.476,34
    -133,00 (-0,37%)
     
  • FTSE

    7.190,07
    -33,03 (-0,46%)
     
  • HANG SENG

    26.017,53
    -118,49 (-0,45%)
     
  • NIKKEI

    28.708,58
    -546,97 (-1,87%)
     
  • NASDAQ

    15.404,25
    +26,75 (+0,17%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,5724
    +0,0528 (+0,81%)
     

Realme C21Y é lançado no Brasil como mais novo basicão da marca

·2 minuto de leitura

Após trazer os básicos C25 e C11 2021 para o Brasil, a Realme está lançando o C21Y. Como sua numeração sugere, ele é um meio-termo entre os dois primeiros, sendo um celular de entrada com câmera tripla e bateria grande.

Sua tela é LCD e tem 6,5 polegadas, com resolução HD+ e taxa de atualização simples de 60 Hz. Com processador Unisoc T610, ele chega ao Brasil na configuração de 4 GB de memória RAM com 64 GB de armazenamento interno — expansível via micro SD.

Com ele será possível tirar fotos com a lente principal de 13 MP e obter registros macro com o sensor de 2 MP. Há uma câmera terciária monocromática para modo retrato, que traz os mesmos 2 MP, enquanto a frontal tem 5 MP.

Alguns destaques para o celular de entrada são a presença de leitor de digitais e NFC — útil para uso de carteiras digitais de pagamentos. Ele também pode emprestar sua bateria a acessórios compatíveis por recarga reversa (com fios).

Sobre a bateria, ela tem 5.000 mAh e o usuário não encontrará carregamento super rápido como há nas famílias Realme 7 e 8. Pelo contrário, o celular tem suporte a apenas 10 W — com acessório incluso. E o usuário não poderá aproveitar seus cabos USB-C, já que ele conta com conexão micro USB.

Rodando a Realme UI, o C21Y sai de fábrica com Android 11, mas a Realme não promete a chegada de updates de software, comentando apenas que seus produtos são atualizados "quando necessário".

Preço e disponibilidade

Como a maioria dos celulares de entrada de marcas chinesas, o apelo, ao menos lá fora, está no preço. No Brasil, o Realme C21Y chega a R$ 1.299, custando assim R$ 300 a menos que o Realme C25 e R$ 300 a mais que o Realme C11 2021 em seus respectivos lançamentos. Até o dia 1 de outubro, o produto será encontrado pelo preço promocional de R$ 999 em varejistas do grupo B2W.

Realme C21Y: ficha técnica

  • Tela: LCD de 6,5 polegadas com resolução HD (720 x 1600)

  • Chipset: Unisoc T610

  • Memória RAM: 4 GB

  • Armazenamento interno: 64 GB, expansível via microSD

  • Câmera traseira: tripla de 13 MP (f/2.2 wide), 2 MP (f/2.4 macro), e 2 MP (f/2.4 modo retrato)

  • Câmera frontal: 5 MP

  • Dimensões: 164,5 x 76 x 9,1 mm

  • Peso: 200 gramas

  • Bateria: 5.000 mAh com carregamento de 10 W (e recarga reversa)

  • Extras: Bluetooth 5.0, leitor de impressão digital na traseira, e NFC

  • Cores disponíveis:

  • Sistema operacional: Android 11 com Realme UI

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos