Mercado fechado
  • BOVESPA

    108.487,88
    +1.482,66 (+1,39%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.518,30
    +228,39 (+0,45%)
     
  • PETROLEO CRU

    110,35
    +0,46 (+0,42%)
     
  • OURO

    1.845,10
    +3,90 (+0,21%)
     
  • BTC-USD

    29.861,78
    +321,65 (+1,09%)
     
  • CMC Crypto 200

    650,34
    -23,03 (-3,42%)
     
  • S&P500

    3.901,36
    +0,57 (+0,01%)
     
  • DOW JONES

    31.261,90
    +8,77 (+0,03%)
     
  • FTSE

    7.389,98
    +87,24 (+1,19%)
     
  • HANG SENG

    20.717,24
    +596,56 (+2,96%)
     
  • NIKKEI

    26.739,03
    +336,19 (+1,27%)
     
  • NASDAQ

    11.838,00
    -40,25 (-0,34%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,1528
    -0,0660 (-1,26%)
     

RD tem queda de 18% no lucro do 1º tri, mantém meta de abertura de lojas

SÃO PAULO (Reuters) - A maior rede de farmácias do país, RD, divulgou nesta terça-feira lucro líquido ajustado de 145,3 milhões de reais para o primeiro trimestre, recuo de cerca de 18% ante mesmo período do ano passado e queda ante os 204,6 milhões obtidos nos três últimos meses de 2021.

A empresa apurou um fluxo de caixa livre negativo de 320,65 milhões de reais no período, revertendo quadro positivo em 269,2 milhões do final do ano passado e acima dos 105 milhões negativos do primeiro trimestre de 2021.

Apesar disso e do contexto macroeconômico de inflação e juros em alta, a RD informou no balanço que mantém a meta de abertura bruta de 260 lojas em 2022, depois de ter inaugurado 52 farmácias novas de janeiro a março deste ano, 12 a mais que mesma etapa de 2021. Com isso, a base de lojas da empresa subiu para 2.530 farmácias ante 2.319 um ano antes.

A empresa afirmou que no fim de março, quase 30% de sua base de lojas ainda "estavam em processo de maturação, não tendo atingido todo o potencial de receita e rentabilidade" e que as aberturas de lojas do período se concentraram fora do Estado de São Paulo. A presença da empresa subiu para 501 cidades do país, 83 a mais que no primeiro trimestre de 2021.

A RD teve resultado operacional medido pelo Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) ajustado de 388,4 milhões de reais no trimestre, queda de 6,6% ano a ano e recuo ante os 448,1 milhões do quarto trimestre do ano passado. A margem caiu 1,4 ponto percentual, para 5,6%.

"Esperamos uma recomposição inflacionária a partir do segundo trimestre oriunda do reajuste do preço dos medicamentos de 10,9% autorizado pela Câmara de Regulação do Mercado de Medicamentos (CMED), contribuindo para a rápida normalização das margens da companhia", afirmou a RD no balanço.

(Por Alberto Alerigi Jr.)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos