Mercado fechará em 4 h 16 min
  • BOVESPA

    107.182,79
    -1.531,76 (-1,41%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    52.077,80
    +244,00 (+0,47%)
     
  • PETROLEO CRU

    83,99
    +0,23 (+0,27%)
     
  • OURO

    1.787,90
    -18,90 (-1,05%)
     
  • BTC-USD

    62.018,50
    -1.181,05 (-1,87%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.490,00
    -15,15 (-1,01%)
     
  • S&P500

    4.592,40
    +25,92 (+0,57%)
     
  • DOW JONES

    35.833,22
    +92,07 (+0,26%)
     
  • FTSE

    7.271,91
    +49,09 (+0,68%)
     
  • HANG SENG

    26.038,27
    -93,76 (-0,36%)
     
  • NIKKEI

    29.106,01
    +505,60 (+1,77%)
     
  • NASDAQ

    15.683,25
    +187,50 (+1,21%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4601
    +0,0238 (+0,37%)
     

Rappi recebe aporte de US$ 500 milhões e eleva valor de mercado a US$ 5,25 bi

·2 minuto de leitura

Em uma nova rodada de investimentos, a Rappi acaba de receber nesta quarta-feira (21) US$ 500 milhões (pouco mais de R$ 2,5 bilhões na cotação atual). Com isso, o valor de mercado da startup colombiana de entregas, alcançou US$ 5,25 bilhões (cerca de R$ 27,2 bilhões). A ação foi liderada pela T. Rowe Price e teve participação, ainda, de Baillie Gifford, Third Point, Octahedron, GIC e Softbank.

Em setembro de 2020, a T. Rowe Price já havia investido US$ 300 milhões (aproximadamente R$ 1,5 bilhão) na empresa e elevado seu valor de mercado para US$ 3,5 bilhões (algo como R$ 18,2 bilhões). Seu maior aporte, entretanto, veio do SoftBank em março de 2019: US$ 1 bilhão (pouco mais de R$ 5,1 bilhões) foram aplicados na empresa, no maior investimento recebido por uma startup latino-americana até hoje.

A plataforma já recebeu, desde 2015, mais de US$ 2 bilhões (cerca de R$ 10,3 bilhões) em investimentos. Atualmente, ela está presente em mais de 250 cidades na América Latina. O valor coletado agora deve impulsionar e consolidar a oferta dos serviços da Rappi nos nove países em que ela atua — entre eles o Brasil.

Imagem: Divulgação/Rappi
Imagem: Divulgação/Rappi

Como oferece serviços de entrega, a startup se destacou durante a pandemia. Agora, tem apostado na diversificação dos serviços: entram aí a Rappi Travel (de viagens), a parceria com o GetNinjas (que oferecer serviços variados) e o Rappi Bank (com produtos financeiros).

Sua fintech começou como solução de pagamento para os pedidos em restaurantes e supermercados. Logo, porém, passou a oferecer pagamento entre pessoas e hoje já tem conta digital com cartão de crédito sem anuidade e até 3% de cashback.

Interesse de fundos internacionais

Essa nova rodada de investimentos da Rappi demonstra a importância da América Latina no cenário global. Os fundos internacionais veem potencial nas startups da região: Softbank e Sequoia Capital já declararam seu interesse e devem apostar em outras startups latino-americanas em breve. Ambos têm intensificado os investimentos por aqui.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos