Mercado fechará em 6 h 25 min
  • BOVESPA

    98.657,65
    +348,53 (+0,35%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    37.655,45
    -221,04 (-0,58%)
     
  • PETROLEO CRU

    40,68
    -0,15 (-0,37%)
     
  • OURO

    1.904,80
    -6,90 (-0,36%)
     
  • BTC-USD

    11.841,00
    +784,00 (+7,09%)
     
  • CMC Crypto 200

    238,90
    +5,23 (+2,24%)
     
  • S&P500

    3.426,92
    -56,89 (-1,63%)
     
  • DOW JONES

    28.195,42
    -410,89 (-1,44%)
     
  • FTSE

    5.888,11
    +3,46 (+0,06%)
     
  • HANG SENG

    24.569,54
    +27,28 (+0,11%)
     
  • NIKKEI

    23.567,04
    -104,09 (-0,44%)
     
  • NASDAQ

    11.657,25
    +7,00 (+0,06%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,6177
    +0,0188 (+0,28%)
     

Rakitic deixa o Barcelona e volta ao Sevilla

LLUIS GENE
·1 minuto de leitura
Ivan Rakitic chega ao hotel em Lisboa após o Bardcelona ser eliminado da liga dos Campeões pelo Bayern de Munique
Ivan Rakitic chega ao hotel em Lisboa após o Bardcelona ser eliminado da liga dos Campeões pelo Bayern de Munique

O meia croata Ivan Rakitic, de 32 anos, deixou o Barcelona para regressar ao clube que o revelou, o Sevilla, anunciou nesta terça-feira a equipe catalã. 

"O FC Barcelona e o Sevilla FC chegaram a um acordo para a transferência do jogador Ivan Rakitic. A equipe andaluza pagará ao FC Barcelona 1,5 milhão de euros mais 9 em variáveis", afirmou o clube de Barcelona.

Segundo a imprensa, Rakitic não entrou nos planos do novo treinador do time catalão, Ronald Koeman, para a temporada 2020-2021. 

O croata deixa o Barça após seis temporadas para retornar ao Sevilla, que recentemente conquistou a Liga Europa, de onde havia saído em 2014. 

No Barcelona, o jogador estabeleceu um bom recorde, com uma Liga dos Campeões (2015), quatro campeonatos espanhóis (2015, 2016, 2018, 2019), quatro copas do Rei (2015, 2016, 2017, 2018), duas Supercopas da Espanha (2016, 2018), um Mundial de Clubes da Fifa (2015) e uma Supercopa da Europa (2015). 

Ele também foi vice-campeão mundial em 2018 com a seleção da Croácia, derrotada pela França (4-2). 

Com o Sevilla, Rakitic venceu a Liga Europa em 2014, sob o comando de Unai Emery. 

No clube andaluz, ele vai preencher a lacuna deixada pelo  argentino Ever Banega (32 anos), que partiu para a equipe saudita do Riad Al Shabab. 

Rakitic pode enfrentar o Barça na Liga dos Campeões, competição para a qual o Sevilla FC se classificou depois de vencer pela sexta vez Liga Europa, em 21 de agosto contra a Inter de Milão (3-2).

pve-avl/gh/lca