Mercado fechado
  • BOVESPA

    99.621,58
    -969,83 (-0,96%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.061,61
    -373,84 (-0,77%)
     
  • PETROLEO CRU

    109,89
    +0,11 (+0,10%)
     
  • OURO

    1.820,70
    +3,20 (+0,18%)
     
  • BTC-USD

    20.029,77
    -305,05 (-1,50%)
     
  • CMC Crypto 200

    429,89
    -9,77 (-2,22%)
     
  • S&P500

    3.818,83
    -2,72 (-0,07%)
     
  • DOW JONES

    31.029,31
    +82,32 (+0,27%)
     
  • FTSE

    7.312,32
    -11,09 (-0,15%)
     
  • HANG SENG

    22.026,14
    +29,25 (+0,13%)
     
  • NIKKEI

    26.564,87
    -239,73 (-0,89%)
     
  • NASDAQ

    11.640,50
    -50,50 (-0,43%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,4302
    +0,0196 (+0,36%)
     

Rússia deve aceitar Bitcoin em pagamentos internacionais para fugir de sanções

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

De acordo com uma notícia publicada nesta quarta-feira (31) pela Nasdaq, um funcionário do alto escalão do banco central russo revelou que a instituição é favorável à utilização do Bitcoin e outras criptomoedas para pagamentos internacionais. Essa seria uma alternativa para que o país consiga ampliar suas opções de transações financeiras, já que várias companhias do setor deixaram a Rússia, como forma de sanções contra as investidas do presidente Vladimir Putin na Ucrânia.

Em uma matéria publicada da CNN, no dia (12) deste mês, a secretária do Tesouro dos Estados Unidos, Janet Yellen, relatou que as sanções aplicadas à Rússia vêm causando um enorme impacto na economia do país. Recessão, inflação alta, problemas no sistema financeiro, entre outros. É sob esse pano de fundo que o governo russo tem visto as criptomoedas como uma maneira de escapar do bloqueio financeiro internacional.

Contudo, Yudeva ainda vê a adesão ao Bitcoin com ressalvas, principalmente pelo fato de as moedas digitais serem bastante utilizadas em crimes, já que as criptomoedas são quase irrastreáveis. “Ainda acreditamos que o uso de criptomoedas no país, especialmente na infraestrutura financeira da Rússia, cria grandes riscos para cidadãos e usuários." Segundo ela, esses riscos podem ser razoavelmente grandes no país.

O ministro das finanças da Rússia, Denis Manturov já havia sido questionado por jornalistas sobre o tema. “ A questão é, quando isso vai acontecer; como será regulamentado, agora que o banco central e o governo estão trabalhando ativamente nisso”.

Ou seja, de acordo com fala Manturov, é apenas questão de tempo até que Rússia torne de fato o Bitcoin e outras criptomoedas um meio de pagamento no país.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos