Mercado fechado
  • BOVESPA

    106.667,66
    +293,79 (+0,28%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    53.232,20
    -741,07 (-1,37%)
     
  • PETROLEO CRU

    86,17
    +2,35 (+2,80%)
     
  • OURO

    1.813,10
    -3,40 (-0,19%)
     
  • BTC-USD

    42.374,45
    +514,75 (+1,23%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.008,59
    -0,80 (-0,08%)
     
  • S&P500

    4.577,11
    -85,74 (-1,84%)
     
  • DOW JONES

    35.368,47
    -543,34 (-1,51%)
     
  • FTSE

    7.563,55
    -47,68 (-0,63%)
     
  • HANG SENG

    24.112,78
    -105,25 (-0,43%)
     
  • NIKKEI

    28.257,25
    -76,27 (-0,27%)
     
  • NASDAQ

    15.227,00
    -368,75 (-2,36%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3034
    +0,0096 (+0,15%)
     

Róger Guedes, do Corinthians, minimiza 'guerra' em duelo contra o Grêmio: 'Para a gente são três pontos'

·2 min de leitura


Róger Guedes minimizou a pressão do Corinthians para o duelo contra o Grêmio, neste domingo (5), às 16h, pela 37ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Uma vitória corintiana pode tanto classificar o clube diretamente à fase de grupos da Libertadores de 2022, principal objetivo do Timão na temporada, quanto rebaixar o Tricolor Gaúcho.

- Para gente são três pontos, e nosso objetivo maior na temporada é classificar direto pra Libertadores. A euforia de fora do campo deixamos para fora do campo - disse em entrevista coletiva virtual concedida nesta sexta-feira (3).

E é a posssibilidade de descenso do adversário que tem movimentado os bastidores deste confronto. A torcida do Corinthians relembra que em 2007 o algoz do rebaixamento do clube alvinegro foram os gremistas, após um empate em 1 a 1, em Porto Alegre, pela última rodada do Brasileirão daquele ano.

Já o técnico do Grêmio, Vagner Mancini, que passou pelo Timão há menos de um ano, deixou claro que está levando o duelo como uma guerra. Em entrevista coletiva dada pelo mesmo treinador após a vitória do Tricolor Gaúcho sobre o São Paulo, na última quinta-feira (2), Mancini declarou que 'torcida não joga' ao ser questionado sobre a massa corintiana em Itaquera no fim de semana. Róger Guedes, por sua vez, mencionou o combustível que tem sido o retorno dos torcedores ao estádio.

- Ela (torcida) é o nosso 12º jogador. Acho que ficou bem claro que dentro de casa temos um apoio maior, tem um diferencial nisso. Essa euforia vai ficar para os torcedores, tem uma pequena rixa, mas isso é com eles. O que nos importa são os três pontos e classificar direto para Libertadores - pontuou Guedes.

Desde a retomada dos torcedores nos estádios, o Corinthians venceu todas as partidas que mandou na Neo Química Arena. São sete confrontos com triunfos corintianos.

O Timão é o quarto colocado no Campeonato Brasileiro, com 56 pontos. O triunfo contra o Grêmio colocaria o clube do Parque São Jorge com 59 pontos e duas vitórias a mais que o Red Bull Bragantino, quinto colocado, o que colocaria os corintianos defintivamente no G4 até o fim do Brasileirão.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos