Mercado abrirá em 6 h 19 min
  • BOVESPA

    125.675,33
    -610,27 (-0,48%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.634,60
    +290,49 (+0,57%)
     
  • PETROLEO CRU

    73,04
    -0,58 (-0,79%)
     
  • OURO

    1.831,10
    -4,70 (-0,26%)
     
  • BTC-USD

    39.792,05
    -340,57 (-0,85%)
     
  • CMC Crypto 200

    946,68
    +16,32 (+1,75%)
     
  • S&P500

    4.419,15
    +18,51 (+0,42%)
     
  • DOW JONES

    35.084,53
    +153,60 (+0,44%)
     
  • FTSE

    7.078,42
    +61,79 (+0,88%)
     
  • HANG SENG

    25.786,56
    -528,76 (-2,01%)
     
  • NIKKEI

    27.283,59
    -498,83 (-1,80%)
     
  • NASDAQ

    14.842,00
    -195,75 (-1,30%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,0215
    -0,0190 (-0,31%)
     

Quer desapegar? Confira 5 aplicativos para vender coisas usadas

·5 minuto de leitura

Desapegar de alguns itens em sua casa tem diversas vantagens: pode gerar um dinheiro a mais no final do mês, ajuda a renovar o espaço e evita descartes desnecessários de produtos em bom estado. A compra e venda de itens usados na internet é uma prática comum, com diversos apps gratuitos que facilitam essa tarefa.

Além de funcionarem como uma plataforma de divulgação dos produtos usados, alguns apps auxiliam com todo o processo de pagamento e envio das mercadorias. Dessa forma, você consegue vender itens usados sem muitas complicações e em pouco tempo. O Canaltech separou algumas plataformas interessantes para isso. Veja quais!

1. Enjoei

  • Compatibilidade: Android, iOS

  • Preço: instalação gratuita

A plataforma Enjoei foi criada como uma espécie de brechó virtual. Qualquer conta cadastrada automaticamente também cria uma loja virtual própria, utilizada para vender e desapegar de roupas, itens de decoração, calçados e muitas outras opções. Em seguida, basta preencher com as informações do seu produto, escolher as categorias ideias e anunciá-lo gratuitamente.

Plataforma é muito utilizada como brechó (Imagem: André Magalhães/Captura de tela)
Plataforma é muito utilizada como brechó (Imagem: André Magalhães/Captura de tela)

As compras são finalizadas pela própria plataforma online, com opção de pagamento por boleto ou cartão de crédito, e o Enjoei cobra uma taxa de serviço em cada venda. Após a conclusão da transação, o dinheiro é enviado a uma carteira digital interna, chamada de enjubank, e pode ser retirado por transferência bancária. Cada venda também gera um código de postagem pelos Correios, agilizando o processo de entrega.

A plataforma ainda disponibiliza o Enjoei Pro, indicado para quem não possui tempo de administrar a loja virtual. Nesse caso, é necessário enviar todos os seus produtos para o Enjoei, que faz as fotografias e anúncios de cada item. A comissão para vendas no Enjoei Pro é de 50% e a funcionalidade ainda está limitada para a moda feminina adulta.

2. Facebook

  • Compatibilidade: Android, iOS

  • Preço: instalação gratuita

O grande alcance da rede social faz com que o Facebook seja uma ferramenta muito interessante para vender seus produtos usados. Através do Marketplace, é possível anunciá-los gratuitamente para perfis localizados na sua região ou compartilhá-los em grupos de compra e venda.

Use o Marketplace, do Facebook, para anunciar (Imagem: André Magalhães/Captura de tela)
Use o Marketplace, do Facebook, para anunciar (Imagem: André Magalhães/Captura de tela)

A tela de configuração de um anúncio de venda permite adicionar até 10 fotos sobre o produto, adicionar o valor e informar sobre o estado de uso do item. É possível utilizar a própria localização ou informar um local específico para acertar os detalhes de retirada.

Quando uma pessoa tem interesse no seu produto, uma janela do Messenger é criada para confirmar os valores e a forma de pagamento, detalhes que precisam ser acertados entre as duas partes. Apesar da disponibilização do Facebook Pay no Brasil, a ferramenta ainda não foi liberada para compras pelo Marketplace.

3. Shopee

  • Compatibilidade: Android, iOS

  • Preço: instalação gratuita

A Shopee é uma plataforma de e-commerce com forte presença no território brasileiro. Além de funcionar como um marketplace para lojas e estabelecimentos comerciais, o serviço permite a criação de lojas para pessoas físicas. Dessa forma, o alcance e a grande quantidade de cupons e promoções são fatores importantes para quem deseja vender produtos usados.

Shopee é boa opção para vendas (Imagem: André Magalhães/Captura de tela)
Shopee é boa opção para vendas (Imagem: André Magalhães/Captura de tela)

Para abrir uma loja na Shopee, é necessário possuir uma conta cadastrada. A plataforma cobra uma taxa de comissão de 12% a cada venda e possui alcance nacional. Após a compra, o usuário recebe um código de postagem nos Correios, e existem diversas condições para reduzir o valor do frete de acordo com a quantidade e o preço dos itens.

A plataforma ainda disponibiliza a Central do Vendedor, que permite acompanhar todas as etapas do pedido, desde pagamento até a confirmação de entrega. Caso encontre algum problema no processo, é possível acionar a equipe de suporte da Shopee para atendimento.

4. OLX

  • Compatibilidade: Android, iOS

  • Preço: instalação gratuita

A OLX é uma das principais plataformas disponíveis no Brasil para o anúncio de produtos usados. Apesar de alcance nacional, permite que as vendas sejam filtradas por regiões e proximidades, facilitando processos de entrega e conclusão de pagamento.

OLX permite anunciar rapidamente (Imagem: André Magalhães/Captura de tela)
OLX permite anunciar rapidamente (Imagem: André Magalhães/Captura de tela)

Anunciar na OLX é uma tarefa simples e precisa apenas de uma conta cadastrada. Na tela de configuração da venda, insira fotos, uma descrição sobre o produto, categoria e o CEP. Em seguida, é necessário apenas aguardar a publicação do anúncio e receber o contato de pessoas interessadas na compra.

Para facilitar as transações, a plataforma disponibiliza a carteira digital OLX Pay, que permite a conclusão do pagamento dentro do próprio app. Com a carteira, consumidores podem pagar de forma parcelada, mas o dinheiro é recebido no valor integral pelo vendedor. Cada venda tem uma tarifa de 10% aplicada ao valor anunciado.

5. Mercado Livre

  • Compatibilidade: Android, iOS

  • Preço: instalação gratuita

O Mercado Livre é uma das plataformas de compra e venda pela internet mais tradicionais do Brasil. Portanto, se você deseja vender algum produto usado, é interessante recorrer ao app para vendê-los, considerando as condições de frete gratuito para alguns valores e a grande base de usuários cadastrados.

Venda produtos pelo Mercado Livre (Imagem: André Magalhães/Captura de tela)
Venda produtos pelo Mercado Livre (Imagem: André Magalhães/Captura de tela)

Para vender, é possível utilizar a própria conta individual ou aderir ao Mercado Shops, ferramenta voltada para lojas e outros estabelecimentos comerciais. Os anúncios grátis são exibidos na plataforma por 60 dias e com baixa exposição em comparação aos serviços pagos, mas a quantidade de recursos referentes à compra traz vantagens para quem deseja vender.

O Mercado Pago permite receber e transferir rapidamente o dinheiro das vendas. Além disso, há uma equipe de suporte para garantir que todo o processo de compra e entrega seja concluído sem problemas. As tarifas variam por categorias: para conferir a lista, clique aqui.

Você utiliza outra plataforma que não está na lista? Comente qual!

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos