Mercado fechado
  • BOVESPA

    105.069,69
    +603,45 (+0,58%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.597,29
    -330,09 (-0,65%)
     
  • PETROLEO CRU

    66,22
    -0,28 (-0,42%)
     
  • OURO

    1.782,10
    +21,40 (+1,22%)
     
  • BTC-USD

    49.100,69
    +1.693,59 (+3,57%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.367,14
    -74,62 (-5,18%)
     
  • S&P500

    4.538,43
    -38,67 (-0,84%)
     
  • DOW JONES

    34.580,08
    -59,71 (-0,17%)
     
  • FTSE

    7.122,32
    -6,89 (-0,10%)
     
  • HANG SENG

    23.766,69
    -22,24 (-0,09%)
     
  • NIKKEI

    28.029,57
    +276,20 (+1,00%)
     
  • NASDAQ

    15.687,50
    -301,00 (-1,88%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3953
    +0,0151 (+0,24%)
     

Quem bebe chá ou café parece ter menos risco de sofrer um AVC, diz estudo

·1 min de leitura

O hábito de beber café ou chá pode estar relacionado com um risco menor de acidente vascular cerebral (AVC) e demência, segundo um estudo da Tianjin Medical University (China). A pesquisa acompanhou 365 mil participantes com idades entre 50 e 74 por mais de uma década.

Durante o período da pesquisa, 5.079 dos participantes desenvolveram demência e 10.053 tiveram pelo menos um derrame. Os pesquisadores descobriram que as pessoas que bebiam de duas a três xícaras de café ou de três a cinco xícaras de chá por dia tinham um risco 32% menor de derrame e 28% menor de demência em comparação com aquelas que não bebem chá ou café.

Em contrapartida, os cientistas alertam que o banco de dados utilizado reflete uma amostra relativamente saudável em relação à população em geral, o que pode restringir a capacidade. Embora seja possível que o café e o chá protejam contra derrame e demência, não é possível chegar a uma conclusão definitiva ainda.

Chá e café podem diminuir risco de AVC, segundo estudo da Tianjin Medical University, na China (Imagem: Rene Lehmkuhl/Unsplash)
Chá e café podem diminuir risco de AVC, segundo estudo da Tianjin Medical University, na China (Imagem: Rene Lehmkuhl/Unsplash)

A pesquisa sugere que o hábito de beber café sozinho ou em combinação com chá também está relacionado a menor risco de demência após o derrame, e a ideia é ajudar os médicos na prevenção e tratamento de AVC e demência. O artigo foi publicado na revista científica Plos Medicine. Vale lembrar que já explicamos como identificar um AVC.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos