Mercado fechado
  • BOVESPA

    117.560,83
    +362,83 (+0,31%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    46.326,68
    +480,88 (+1,05%)
     
  • PETROLEO CRU

    89,03
    +0,58 (+0,66%)
     
  • OURO

    1.720,50
    -0,30 (-0,02%)
     
  • BTC-USD

    19.939,57
    -213,98 (-1,06%)
     
  • CMC Crypto 200

    456,11
    -7,01 (-1,51%)
     
  • S&P500

    3.744,52
    -38,76 (-1,02%)
     
  • DOW JONES

    29.926,94
    -346,96 (-1,15%)
     
  • FTSE

    6.997,27
    -55,35 (-0,78%)
     
  • HANG SENG

    18.012,15
    -75,85 (-0,42%)
     
  • NIKKEI

    27.311,30
    +190,80 (+0,70%)
     
  • NASDAQ

    11.506,00
    -35,75 (-0,31%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,0938
    -0,0197 (-0,39%)
     

Quem é perigoso? Os destaques dos rivais da Seleção Brasileira na Copa do Mundo


Daqui a exatos 100 dias a bola vai rolar para a primeira partida da Copa do Mundo do Qatar. A Seleção Brasileira, no entanto, está no Grupo G e estreia apenas no dia 24 de novembro. Para esquentar os motores para o Mundial, o LANCE! faz um balanço dos adversários do Brasil na primeira fase: Sérvia, Suíça e Camarões.

SÉRVIA
Primeira adversária no Brasil na Copa, a Sérvia ocupa o 25º lugar no ranking da FIFA entre as melhores seleções do mundo. Curiosamente, na Copa do Mundo de 2018, na Rússia, a seleção sérvia também esteve presente no mesmo grupo do Brasil. Na partida entre as duas equipes, os europeus saíram de campo derrotados por 2 a 0.

Campanha nas Eliminatórias da Copa do Mundo:
No Grupo A, ao lado de Portugal, Irlanda, Luxemburgo e Azerbaijão, a Sérvia encerrou sua participação de maneira invicta: 6 vitórias e 2 empates. Na última rodada, a equipe enfrentou o time da Península Ibérica precisando da vitória para avançar direto ao Qatar e triunfou por 2 a 1 com direito a gol aos 44 minutos do segundo tempo.

+ Seleção lança uniformes para o Mundial: lembre todas as camisas do Brasil em Copas

Campanha nas Eliminatórias da Eurocopa:
Ao contrário da Suíça, a Sérvia não conseguiu chegar na Eurocopa. Nas Eliminatórias do torneio, a equipe ocupou o 3º lugar do Grupo B, atrás de Ucrânia e Portugal, e acabou indo para a repescagem da competição.

No duelo contra a Noruega, a Sérvia derrotou a adversária por 2 a 1 e avançou de fase. No entanto, o time do leste europeu acabou ficando pelo caminho ao ser eliminada para a Escócia na disputa por pênaltis após o empate por 1 a 1.

Liga das Nações:
​Na Liga B da Nations League, a Sérvia encontra dificuldades para conseguir o acesso à Liga A. Com duas vitórias, um empate e uma derrota em quatro rodadas, a equipe ocupa a vice-liderança do Grupo 4 e está atrás da Noruega. Em setembro, o time do leste europeu realiza os dois últimos jogos do torneio em busca da promoção.

Destaques da seleção:
Vlahovic (atacante - Juventus); Mitrovic (atacante - Fulham); Kostic (meia - Juventus); Tadic (meia - Ajax); Milinkovic-Savic (meia - Lazio); Milenkovic (zagueiro - Fiorentina)

Sérvia x Eslovênia
Sérvia x Eslovênia

Sérvia chega com força na Copa do Mundo (Foto: ANDREJ ISAKOVIC / AFP)

SUÍÇA
​A Suíça, 19ª melhor seleção, segundo o ranking da FIFA, é uma velha conhecida do Brasil e de Tite. Os europeus também estiveram no Grupo E, ao lado do Brasil e Sérvia, na Copa do Mundo da Rússia, em 2018. Na ocasião, a equipe Canarinha empatou o confronto por 1 a 1.

Campanha nas Eliminatórias da Copa do Mundo:
​No Grupo C, ao lado de Itália, Irlanda do Norte, Bulgária e Lituânia, a Suíça encerrou sua participação nas Eliminatórias de forma invicta: 5 vitórias e 3 empates. O time de Yakın conseguiu dois empates com a Azzurra, favorita na chave, assegurou a liderança com 18 pontos e mandou a tetracampeã do mundo, com 16 pontos, para a repescagem.

Campanha na Eurocopa:
​No Grupo A, ao lado de Itália, País de Gales e Turquia, a Suíça encontrou dificuldades no início do torneio, mas avançou para o mata-mata com apenas uma vitória e a 3ª colocação da chave. No entanto, a equipe ficou marcada por eliminar a França, atual campeã do mundo, nos pênaltis na fase de oitavas de final após um empate por 3 a 3.

+ CBF tem lista de jovens com potencial para servir a Seleção Brasileira no futuro; veja quem são

Na sequência, a Suíça também fez uma partida muito dura contra a Espanha pelas quartas de final. Após um empate por 1 a 1 durante os 120 minutos de jogo, a zebra não conseguiu superar a Fúria nos pênaltis, mas deu trabalho aos gigantes.

Liga das Nações:
Na Nations League, a Suíça sofreu em seus quatro primeiros jogos e luta contra o rebaixamento para a Liga B. No Grupo 2, ao lado de Espanha, Portugal e Inglaterra, a equipe venceu apenas os lusitanos, enquanto somam três derrotas. Os dois últimos jogos acontecem no próximo mês de setembro.

Destaques da seleção:
Embolo (atacante - Monaco); Seferovic (atacante - Galatasaray); ​Xhaka (meia - Arsenal); Freuler (meia - Atalanta); Zakaria (meia - Juventus); Schär (zagueiro - Newcastle); Akanji (zagueiro - Dortmund)

França x Suíça
França x Suíça

Suíça fez história na Euro ao eliminar a França (Foto: Daniel MIHAILESCU / POOL / AFP)

CAMARÕES
​A seleção de Camarões ocupa o 38º lugar no ranking da Fifa, sendo a 5ª melhor equipe africana posicionada. Os Leões não disputaram a Copa do Mundo de 2018, mas estiveram no grupo do Brasil em 2014, quando perderam por 4 a 1 em Brasília.

Campanha nas Eliminatórias da Copa do Mundo:
Camarões encontrou dificuldades para garantir vaga no Mundial do Qatar, mas mostrou resiliência e deixou grandes equipes pelo caminho. No Grupo D, ao lado de Costa do Marfim, Moçambique e Malaui, os Leões avançaram ao mata-mata na última rodada ao derrotas os Elefantes e alcançarem os 15 pontos, sendo 5 vitórias e uma derrota.

Na fase seguinte, Camarões encarou a Argélia, 41ª seleção no ranking da Fifa. No primeiro jogo, disputado em Duala, os Leões perderam por 1 a 0. No entanto, atuando fora de seus domínios, o time de Song derrotou a adversária por 2 a 1 com gols de Choupo-Moting e Toko-Ekambi e garantiu vaga no Qatar.

Campanha na Copa Africana de Nações:
No Grupo A, ao lado de Burkina Faso, Cabo Verde e Etiópia, Camarões liderou a chave com duas vitórias e um empate. Nas oitavas de final, a equipe eliminou Comores por 2 a 1, e na fase seguinte derrotou Gâmbia por 2 a 0.

Na semifinal, os Leões encararam o Egito, liderado por Mo Salah, mas a equipe foi eliminada nos pênaltis após o empate por 0 a 0. Na disputa de 3º lugar, Camarões venceu Burkina Faso nas penalidades após um emocionante 3 a 3 no placar.

Destaques da seleção:
Choupo-Moting (atacante - Bayern); Toko Ekambi (atacante - Lyon); Anguissa (meia - Napoli); Onana (goleiro - Inter de Milão)

Camarões 2 x 1 Burkina Faso
Camarões 2 x 1 Burkina Faso

Camarões busca surpreender gigantes no Mundial (Foto: Kenzo Tribouillard / AFP)