Mercado fechado

Quem é Hércules, o herói bonachão da Marvel e grande rival de Thor?

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

Atenção! Este texto tem spoilers de Thor: Amor e Trovão. Leia por sua conta e risco.

O Universo Cinematográfico da Marvel (MCU, na sigla em inglês) já prepara a chegada de um novo herói mitológico à sua já extensa galeria de personagens. Como mostrado na cena pós-crédito de Thor: Amor e Trovão, o Incrível Hércules está a caminho das telas — embora ninguém saiba ao certo ainda como e quando isso vai acontecer.

A menção ao semideus já era esperada no longa a partir do momento que foi mostrado que Thor (Chris Hemsworth) iria ficar cara a cara com Zeus (Russell Crowe). Contudo, a grande surpresa mesmo foi ver o herói das histórias gregas ser apresentado na tela e com um visual muito próximo daquele que os quadrinhos já apresentaram.

Embora sempre apareça para trocar socos com Thor, Hércules nunca foi um vilão e até já foi membro dos Vingadores (Imagem: Reprodução/Marvel Comics)
Embora sempre apareça para trocar socos com Thor, Hércules nunca foi um vilão e até já foi membro dos Vingadores (Imagem: Reprodução/Marvel Comics)

No MCU, ele vai ser vivido pelo ator Brett Goldstein (Ted Lasso), e a aparição do ator em Amor e Trovão mostra que o Marvel Studios tem planos para usá-lo logo em alguma produção. Afinal, se já fez a escalação e definiu o visual, é porque as coisas estão bem avançadas.

Só que antes de a gente pensar em um Thor 5 ou uma participação em algum outro filme ou série — ou mesmo um seriado próprio — é preciso responder uma pergunta fundamental: afinal, quem diabos é Hércules dentro do universo Marvel?

Hércules, o herói bonachão

Assim como Thor, Hércules é um daqueles personagens que a Marvel Comics se apropriou da mitologia e o transformou em um herói dos quadrinhos. De forma bem resumida, ele é a contraparte grega do Deus do Trovão e, por isso mesmo, foi retratado como uma espécie de rival de Thor.

Ok, a gente sabe que o deus dos raios dos gregos é o próprio Zeus, mas o que Stan Lee e Jack Kirby fizeram nas HQs foi adotar a mesma relação que Thor tinha com seu pai Odin no contexto da cultura helênica. Assim, Hércules se tornou a contraparte perfeita o portador do Mjölnir: um herói poderoso que responde a uma figura paterna divina que comanda todo o panteão.

O herói sempre teve esse jeitão bonachão que casa bem com o que é o Thor do MCU atualmente (Imagem: Reprodução/Marvel Comics)
O herói sempre teve esse jeitão bonachão que casa bem com o que é o Thor do MCU atualmente (Imagem: Reprodução/Marvel Comics)

Só que o personagem foi tão bem aceito pelo público que rapidamente cresceu e se tornou mais do que essa simples sombra. Ao longo dos anos, Hércules ganhou uma personalidade bem marcante, estrelou revistas próprias e seguiu em diferentes aventuras, sendo inclusive parte dos vingadores.

Embora tenha sido criado para ser apenas um rival à altura de Thor em termos de pancadaria, o jeito divertido do semideus funcionou muito nos gibis. Afinal, ele era todo bonachão, um bon vivant da melhor qualidade.

Mulherengo e galanteador, vivia mais bêbado do que sóbrio e sempre arranjava alguma briga por causa do álcool ou por não ser esperto o suficiente para entender o que os outros tentavam lhe dizer — características que sempre garantiram que suas aparições nas histórias sempre fossem muito divertidas.

Duas origens de Hércules

Assim como boa parte desses personagens mitológicos da Marvel, Hércules tem duas origens nos quadrinhos da editora. A primeira vez que o semideus apareceu foi em 1945 na revista Young Allies. Contudo, essa é uma participação que não costuma ser considerada dentro da cronologia oficial da editora, já que era uma abordagem muito mais próxima dos mitos originais do que com essa pegada heróica que foi apresentada mais tarde.

Hércules chegou à Marvel já caindo no soco com Thor (Imagem: Reprodução/Marvel Comics)
Hércules chegou à Marvel já caindo no soco com Thor (Imagem: Reprodução/Marvel Comics)

Foi somente em 1965, em Journey into Mystery Annual #1 que o Hércules entre em definitivo o universo Marvel que conhecemos — e, como não poderia deixar de ser, em um confronto contra Thor.

A história é bem simples e traz o Deus do Trovão, em Jotunheim, tentando impedir os gigantes de abrirem um portal para invadir um reino. E embora consiga derrotá-los, Thor é engolido por essa passagem dimensional e acaba indo para o Olimpo. É lá que ele encontra Hércules pela primeira vez.

Provando se tratar de dois heróis trogloditas, eles não precisam trocar muitas palavras para começarem a se estranhar e caírem no soco. E a edição inteira se resume a esse quebra-pau, que só termina quando o próprio Zeus aparece para declarar empate e mandar o asgardiano de volta para casa.

Só que esse foi apenas o começo da história de Hércules dentro da Marvel. A partir daí, o personagem passou a aparecer mais vezes nas aventuras do Thor, quase sempre para desafiá-lo para alguma luta. Mais do que isso, ele passou a ter sua própria origem nesse mundo de heróis.

A história de estreia de Hércules na Marvel se resume a "ele e Thor brigaram por nada" (Imagem: Reprodução/Marvel Comics)
A história de estreia de Hércules na Marvel se resume a "ele e Thor brigaram por nada" (Imagem: Reprodução/Marvel Comics)

Assim, depois de aparecer de forma bem superficial em Young Allies, essa nova versão do Hércules teve sua história aprofundada, mas ainda se apegando bastante às origens mitológicas.

Isso significa que foi mantido o fato de ele ser filho de Zeus com uma humana na Grécia Antiga, sua superforça e até os feitos heróicos nesse período lendário, enfrentando monstros e realizando diversas proezas, como os Doze Trabalhos.

Só que as coisas passam a ir além disso. Por ser parte deus, sua alma é imortal e passa a habitar o Olimpo por eras até que decide se aventurar e viver no mundo humano — e é quando ele se torna um dos heróis da Marvel.

O Hércules na Marvel

Sua entrada definitiva no mundo dos humanos acontece ainda em uma revista do Thor. A vilã Encantor lança um feitiço sobre o semideus grego para que acredite que o mundo mortal está sob o ataque de monstros e Hércules acaba atacando os Vingadores. Depois de um quebra-pau tremendo, os heróis conseguem parar o brutamontes ao fazê-lo ver que estava sendo enganado.

Hércules fez parte de uma formação bem atípica dos Vingadores (Imagem: Reprodução/Marvel Comics)
Hércules fez parte de uma formação bem atípica dos Vingadores (Imagem: Reprodução/Marvel Comics)

O problema é que essa incursão à Terra não agradou nada Zeus, que simplesmente exilou seu filho na Terra, impedindo que ele voltasse ao Olimpo. No maior exemplo de “Perdeu Tudo!”, Hércules passou a viver de aluguel na Mansão dos Vingadores, precisando da ajuda dos heróis para se adequar à nova vida.

Na verdade, os Vingadores abrigam o semideus após ele ter sido expulso de casa e o aceitam em seu quartel general. E, para compensar o apoio, o gigante grego passa a ajudar em algumas missões e até passa a fazer parte do grupo por um tempo.

Essa passagem é muito importante por algumas razões. Primeiro serviu para apresentar o personagem a um público maior, tirando-o do círculo de histórias do Thor e colocando-o no centro das aventuras da Marvel ao lado de outros heróis bastante populares.

Vamos combinar que não foi a Terra que ensinou Hércules a ser bon vivant (Imagem: Reprodução/Marvel Comics)
Vamos combinar que não foi a Terra que ensinou Hércules a ser bon vivant (Imagem: Reprodução/Marvel Comics)

Além disso, essa fase também foi usada para desenvolver a personalidade do Hércules, servindo de base para tudo aquilo que foi produzido posteriormente. Exemplo disso é todo o jeito bonachão e bon vivant que já citamos, revelando-se um dos maiores hedonistas da editora.

Isso porque foi durante essa fase que Hércules passou a apreciar mais os prazeres terrenos. Mais do que se afeiçoar ao mundo mortal, ele criou um gosto mais do que especial pelos seus excessos — e não foram poucas as vezes que embarcou em missão bêbado.

Só que, assim como no MCU, os deuses também são bem temperamentais e essa vida cada vez mais humana do herói não agradou Zeus, que tratou de bani-lo de vez do Olimpo, retirando sua imortalidade e parte da sua força. Aliás, esse vai e vem com o pai é outra constante ao longo dessas décadas de histórias.

Após essa sua passagem pelos Vingadores, Hércules saiu um pouco de evidência do universo Marvel, ainda que a editora tenha emplacado outras revistas para o personagem.

Provando que aceita qualquer emprego, Hércules fez parte até dos Heróis de Aluguel (Imagem: Reprodução/Marvel Comics)
Provando que aceita qualquer emprego, Hércules fez parte até dos Heróis de Aluguel (Imagem: Reprodução/Marvel Comics)

Durante a saga Heróis Renascem, quando os Vingadores foram desfeitos com o desaparecimento do Capitão América, Homem de Ferro e Thor, Hércules decidiu que era preciso ir atrás de seus antigos companheiros e tentou formar sua própria equipe de resgate. Só que não deu certo, já que tentou convencer o Hulk nessa empreitada e os dois saíram na porrada por não concordarem em como fazer isso. Resultado: o semideus quase foi morto pelo Golias Esmeralda.

Essa ânsia por aventuras fez com que o grego entrasse em depressão e batesse de porta em porta na Marvel para pedir emprego — é sério. Foi quando entrou para os Heróis de Aluguel ao lado de Luke Cage, Punho de Ferro, Cavaleiro Negro e o próprio Hulk. Pouco tempo depois, entrou para a S.H.I.E.L.D, provando que ele já estava aceitando qualquer coisa.

Sua participação na Guerra Civil se limitou a destruir o Thor robô e valeu totalmente a pena só por essa cena (Imagem: Reprodução/Marvel Comics)
Sua participação na Guerra Civil se limitou a destruir o Thor robô e valeu totalmente a pena só por essa cena (Imagem: Reprodução/Marvel Comics)

Depois disso, suas participações nas histórias se tornaram cada vez mais pontuais. Durante a primeira Guerra Civil, por exemplo, ele aparece apenas para lutar contra o robô-Thor criado por Tony Stark, destruindo a máquina de forma bem brutal ao perceber que ela não era seu rival.

Já nos eventos após a Invasão Secreta, Hércules fez parte dos Poderosos Vingadores, um dos grupos que surgiram na época. E, desde então, ele segue aparecendo ao longo das grandes sagas e também fazendo participações especiais, seja desafiando o Thor para uma nova batalha ou irritando o Hulk de alguma forma.

Como Hércules pode ser usado no MCU

Thor: Amor e Trovão apresentou Hércules de forma bem superficial. Tudo o que sabemos sobre o semideus é que ele é conhecido por Thor e que Zeus o mandou para derrotar o Deus do Trovão para mostrar aos humanos que a era dos heróis acabou.

Isso deixa bem claro que a Marvel pretende usar o personagem em um provável Thor 5. É dito que o asgardiano vai voltar ao MCU e tudo leva a crer que teremos o embate clássico dos quadrinhos se repetindo nas telonas.

Hércules e a Mulher-Hulk têm história nos quadrinhos. Mas e no MCU? (Imagem: Reprodução/Marvel Comics)
Hércules e a Mulher-Hulk têm história nos quadrinhos. Mas e no MCU? (Imagem: Reprodução/Marvel Comics)

Só que há um porém nessa história. Ainda não há previsão de quando esse filme vai sair (se é que vai acontecer) e o fato de já termos um ator escalador e um visual definido para Hércules sugere que os planos do Marvel Studios são de usar o semideus em breve. Afinal, não seria necessário fazer essa apresentação para alguém que só vai aparecer sabe-se lá quando.

E essa é a grande incógnita agora. Nos quadrinhos, Hércules é uma das paixões da Mulher-Hulk, que passa um bom tempo fantasiando com o semideus grego até que finalmente consegue sair com ele. E apesar de o encontro ser decepcionante, eles seguiram se vendo por um tempo.

Seja lá como esse encontro vai acontecer, pode ter certeza de que teremos essa cena vindo aí (Imagem: Reprodução/Marvel Comics)
Seja lá como esse encontro vai acontecer, pode ter certeza de que teremos essa cena vindo aí (Imagem: Reprodução/Marvel Comics)

Isso quer dizer que o filho de Zeus pode aparecer na vindoura série do Disney+? Embora não dê para descartar a possibilidade, podemos dizer que as chances são bem baixas. Afinal, o seriado precisaria de mais tempo para apresentar o herói e, ainda assim, as coisas parecem não se encaixar.

Ao mesmo tempo, Kevin Feige prometeu apresentar os planos do Marvel Studios para os próximos anos e pode ser que tenhamos uma série ou outra alguma produção para mostrar mais de Hércules. De concreto, o cronograma do estúdio está confirmado somente até 2023 e pode ser que uma dessas surpresas vindo aí.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos