Após quedas, número de desempregados sobe em janeiro

A Pesquisa de Emprego e Desemprego (PED), elaborada pelo Seade e pelo Dieese, apontou que o contingente de desempregados no País ganhou o reforço de 44 mil pessoas no mês de janeiro. O contingente de desempregados apresentava queda mensal desde setembro mas, no primeiro mês deste ano, subiu. No total, são 2,259 milhões de pessoas neste grupo, informam as duas instituições.

"Desde setembro, o contingente de desempregados vinha diminuindo numa proporção cada vez maior, mês a mês, e a partir de dezembro observamos uma mudança nessa tendência", afirmou a economista do Dieese Ana Paula Delavenuto.

Em setembro, foram 42 mil pessoas a menos no quadro dos desempregados. O número passou para 80 mil em outubro e 107 mil em novembro, diminuindo cada vez mais o contingente de pessoas sem emprego no País. Em dezembro, a queda mostrou uma desaceleração: foi de 43 mil pessoas. Em janeiro, contudo, não apenas a queda diminuiu o ritmo, como houve acréscimo no número de desempregados.

A pesquisa é realizada mensalmente e considera as regiões metropolitanas de Belo Horizonte, Fortaleza, Porto Alegre, Recife, Salvador e São Paulo, e o Distrito Federal.

Carregando...