Mercado fechado
  • BOVESPA

    121.895,62
    +1.975,01 (+1,65%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.260,04
    +325,13 (+0,66%)
     
  • PETROLEO CRU

    64,85
    +0,14 (+0,22%)
     
  • OURO

    1.833,00
    +17,30 (+0,95%)
     
  • BTC-USD

    57.800,19
    +1.745,42 (+3,11%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.493,00
    +57,22 (+3,99%)
     
  • S&P500

    4.232,60
    +30,98 (+0,74%)
     
  • DOW JONES

    34.777,76
    +229,23 (+0,66%)
     
  • FTSE

    7.129,71
    +53,54 (+0,76%)
     
  • HANG SENG

    28.610,65
    -26,81 (-0,09%)
     
  • NIKKEI

    29.357,82
    +26,45 (+0,09%)
     
  • NASDAQ

    13.713,00
    +115,25 (+0,85%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3572
    -0,0094 (-0,15%)
     

Que tal comprar uma garrafa de vinho que foi para o espaço por mais de R$ 5,4 milhões?

Rafael Arbulu
·2 minuto de leitura
Que tal comprar uma garrafa de vinho que foi para o espaço por mais de R$ 5,4 milhões?
Que tal comprar uma garrafa de vinho que foi para o espaço por mais de R$ 5,4 milhões?

Qual foi o preço mais alto que você pagou em uma garrafa de vinho? Independente da sua resposta, podemos apostar que você não chegou a US$ 1 milhão (R$ 5,43 milhões, na conversão direta). É esse o preço pedido pela casa de leilões Christie’s Auctions, na França, por uma garrafa de vinho Pétrus 2000 que tem a qualidade única de ter ido e voltado do espaço.

A tal bebida foi uma das 12 garrafas enviadas para fora da Terra por pesquisadores que buscavam estudar o potencial de agricultura extraterrestre, retornando ao nosso planeta 14 meses depois de sua partida para a Estação Espacial Internacional (ISS). De acordo com Tim Tiptree, diretor do departamento de bebidas da Christie’s Auctions, o conteúdo da garrafa voltou levemente alterado.

Leia mais

Imagem mostra o rótulo de uma Pétrus 2000, uma garrafa de vinho que foi ao espaço e, ao retornar, entrou em leilão por mais de R$ 5 milhões
Uma garrafa de Pétrus 2000, um vinho francês que foi e voltou do espaço, está sendo leiloada por US$ 1 milhão. Imagem: Christie’s Auctions/Divulgação

Tiptree cita como fonte uma sessão de degustação oferecida a seletos especialistas em vinho na França, onde todos foram unânimes em dizer que havia alguma diferença entre o exemplar retornado do espaço em comparação à mesma garrafa aqui na Terra. “É um tipo de vinho bastante harmonioso, que tem a habilidade de envelhecer de forma esplêndida, por isso ele foi escolhido para esse experimento”, ele contou. “É muito encorajador ver que ele foi delicioso em sua volta à Terra”.

Aliás, a garrafa normal de Pétrus 2000 também não é exatamente uma pechincha, custando em média US$ 10 mil (R$ 54,36 mil).

Durante a degustação realizada em março, a jornalista Jane Anson, da revista especializada em vinhos Decanter, descreveu que a garrafa de Pétrus 2000 que foi ao espaço parece ter envelhecido mais rápido, se comparada a uma versão normal do mesmo lote, mas que ficou na Terra.

O leilão pede US$ 1 milhão, mas o preço contempla um kit completo: além da garrafa de vinho que foi para o espaço, o comprador também levará uma garrafa normal do mesmo lote, um decantador, duas taças de cristal e uma rolha esculpida de um meteorito. A embalagem que segura todos esses itens é feita em madeira, decorada com motivos visuais inspirados nas obras de Júlio Verne e o universo Star Trek.

As outras garrafas que também foram ao espaço também já voltaram para a Terra, mas a Christie’s Auctions, por enquanto, tem planos de leiloar apenas a bebida mencionada.