Mercado fechado
  • BOVESPA

    105.069,69
    +603,45 (+0,58%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.597,29
    -330,09 (-0,65%)
     
  • PETROLEO CRU

    66,22
    -0,28 (-0,42%)
     
  • OURO

    1.782,10
    +21,40 (+1,22%)
     
  • BTC-USD

    49.103,41
    -3.264,14 (-6,23%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.367,14
    -74,62 (-5,18%)
     
  • S&P500

    4.538,43
    -38,67 (-0,84%)
     
  • DOW JONES

    34.580,08
    -59,71 (-0,17%)
     
  • FTSE

    7.122,32
    -6,89 (-0,10%)
     
  • HANG SENG

    23.766,69
    -22,24 (-0,09%)
     
  • NIKKEI

    28.029,57
    +276,20 (+1,00%)
     
  • NASDAQ

    15.687,50
    -301,00 (-1,88%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3953
    +0,0151 (+0,24%)
     

Quatro hospitais estaduais de SP não têm internações por Covid há uma semana

·3 min de leitura
*ARQUIVO* SÃO PAULO, SP, BRASIL. 11/12/2020 - Profissionais da saúde que foram destaques em 2020 no combate e tratamento na pandemia de coronavirus. Entrevista com o médico Caio Gouvêa, que se destacou na linha de frente à Covid-19 no IAMSPE (Instituto de Assistência Médica ao Servidor Público Estadual de São Paulo). UTI de pacientes do hospital (foto: Rubens Cavallari/Folhapress)
*ARQUIVO* SÃO PAULO, SP, BRASIL. 11/12/2020 - Profissionais da saúde que foram destaques em 2020 no combate e tratamento na pandemia de coronavirus. Entrevista com o médico Caio Gouvêa, que se destacou na linha de frente à Covid-19 no IAMSPE (Instituto de Assistência Médica ao Servidor Público Estadual de São Paulo). UTI de pacientes do hospital (foto: Rubens Cavallari/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O governo de São Paulo afirmou neste sábado (23) que quatro hospitais estaduais de referência para Covid-19 não recebem novos casos da doença há pelo menos uma semana.

Segundo a gestão João Doria (PSDB), o avanço da vacinação é o principal fator para a redução dos casos.

As unidades de saúde em que não foram notificadas novas internações estão localizadas nas regiões de Araraquara, Bauru, Baixada Santista e na Grande São Paulo. De acordo com a Secretaria de Estado da Saúde, o percentual da população com a vacinação completa ultrapassa 60% nas quatro regiões, que também possuem baixos indicadores de ocupação de leitos de terapia intensiva e clínicos.

O hospital estadual de Américo Brasiliense (280 km de SP), localizado na região de Araraquara, não registra internação de pacientes confirmados com coronavírus desde o dia 13 deste mês. O estado ainda informou que, no momento, não há nenhum paciente internado com a doença na unidade, que já está atendendo outras patologias devido queda na demanda pela doença.

A região de Araraquara ainda possui cerca de 707 mil pessoas imunizadas, com os menores indicadores de ocupação de leitos entre as quatro áreas pontuadas, com taxas de ocupação de 10,6% em UTI (Unidade de Terapia Intensiva) e 10,5% em enfermaria.

Já o hospital estadual de Bauru (300 km de SP) registra, até este sábado, quatro pacientes internados na enfermaria e nenhum na UTI. A ocupação na região é de 17,1% em UTIs e 6,5% dos leitos clínicos, com mais de 1,2 milhão de pessoas integralmente imunizadas. A unidade de saúde, assim como a de Américo Brasiliense, não registra novas internações desde o dia 13.

No litoral, o hospital regional de Itanhaém (109 km de SP) está há 10 dias sem novos internados em decorrência do coronavírus. Também não há pacientes internados pela doença no local. A região da Baixada Santista registra ocupação de 23,2% em UTI e 15,2% em enfermaria;1,1 milhão de residentes do litoral Sul do estado já concluíram o esquema vacinal, detalhou a secretária.

Por sua vez, o Hospital Estadual Mário Covas, em Santo André (Grande SP), está há três semanas sem novos casos de internação pela doença. Atualmente há quatro pacientes internados em enfermaria e três na UTI, segundo o estado. A taxa de ocupação na região metropolitana é de 31,6% em UTI e 36,1% em enfermaria. Os imunizados ultrapassam 14,2 milhões de pessoas com proteção completa contra Covid-19.

Ranking Dados mais recentes divulgados pela Secretaria Municipal da Saúde indicam que já foram aplicadas 19.668.074 doses de vacina contra a Covid-19 na cidade de São Paulo em pessoas com 18 anos de idade ou mais. A divisão desse montante é a seguinte:

10.481.492 - 1ª dose: 8.166.809 - 2ª dose 327.317 - dose única; 692.456 - dose de reforço Os dados indicam que a cidade atingiu 91,9% da população adulta com o esquema vacinal completo.

Além disso, 844.073 doses já foram aplicadas em adolescentes de 12 a 17 anos de idade.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos