Mercado fechado
  • BOVESPA

    112.316,16
    -1.861,39 (-1,63%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    54.774,91
    -389,10 (-0,71%)
     
  • PETROLEO CRU

    79,38
    -1,63 (-2,01%)
     
  • OURO

    1.927,60
    -2,40 (-0,12%)
     
  • BTC-USD

    22.929,03
    -4,52 (-0,02%)
     
  • CMC Crypto 200

    526,66
    +9,65 (+1,87%)
     
  • S&P500

    4.070,56
    +10,13 (+0,25%)
     
  • DOW JONES

    33.978,08
    +28,67 (+0,08%)
     
  • FTSE

    7.765,15
    +4,04 (+0,05%)
     
  • HANG SENG

    22.688,90
    +122,12 (+0,54%)
     
  • NIKKEI

    27.382,56
    +19,81 (+0,07%)
     
  • NASDAQ

    12.221,00
    +114,25 (+0,94%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5462
    +0,0265 (+0,48%)
     

Quando Pantera Negra: Wakanda para Sempre estreia no Disney+?

O filme mais emotivo de todo o Universo Cinematográfico da Marvel (MCU, na sigla em inglês) já tem data para chegar ao Disney+. Depois de quase três meses de espera, Pantera Negra: Wakanda para Sempre estreia no streaming já no próximo mês de fevereiro.

O longa chegou aos cinemas no último mês de novembro e havia certa expectativa sobre quando ele seria liberado no serviço. Contudo, contrariando outros exemplos do MCU, ele não foi disponibilizado para os assinantes dentro da janela de 45 dias que já se tornou padrão na Disney — o que gerou um certo estranhamento por parte do público.

Filme celebra o legado do Pantera Negra e ainda introduz um sucessor para o herói (Imagem: Divulgação/Marvel Studios)
Filme celebra o legado do Pantera Negra e ainda introduz um sucessor para o herói (Imagem: Divulgação/Marvel Studios)

Contudo, a demora em lançar Wakanda para Sempre no streaming é compreensível quando olhamos para os números. Assim como o primeiro Pantera Negra, o novo filme centrado no reino africano teve uma bilheteria inicial bastante expressiva e os números seguiram bastante positivos ao longo das semanas, o que motivou a Disney a atrasar o lançamento digital para otimizar o ganho nos cinemas.

Não por acaso, ele fechou 2022 como a segunda maior bilheteria nos Estados Unidos, com US$ 440,7 milhões, atrás apenas de Top Gun: Maverick. No mundo todo, Pantera Negra 2 somou US$ 822,5 milhões e foi o sexto longa mais assistido do ano.

Homenagem e legado

Contudo, para o fã que esperava ver e rever Pantera Negra: Wakanda Forever, os números não importam tanto quanto o peso que o roteiro carrega. Como dito, o filme é o mais emotivo de toda a história do MCU por ser uma belíssima homenagem ao ator Chadwick Boseman, que faleceu em agosto de 2020 em decorrência de um câncer. Assim, a sequência se tornou uma celebração ao seu legado.

Angela Bassett como a Rainha Ramonda é uma das melhores coisas do filme (Imagem: Divulgação/Marvel Studios)
Angela Bassett como a Rainha Ramonda é uma das melhores coisas do filme (Imagem: Divulgação/Marvel Studios)

Embora o intérprete do rei T’Challa não tenha conseguido gravar sua participação no longa, sua presença é sentida em toda a trama e é a sua ausência que motiva os personagens e movimenta a história. É a partir da morte do seu herói que o reino de Wakanda precisa se reerguer, assim como Shuri (Letitia Wright) e a rainha Ramonda (Angela Bassett).

Embora os elementos típicos do MCU estejam presentes — incluindo aqui a apresentação de novos heróis e vilões, como Riri Williams (Dominique Thorne) e Namor (Tenoch Huerta) — o cerne da aventura é a superação do luto e a celebração do legado tanto de T’Challa quanto do próprio Boseman, deixando bem claro o quanto personagem e ator se misturam na construção desse símbolo.

Quando Pantera Negra: Wakanda para Sempre estreia no Disney+?

A Disney confirmou que o novo Pantera Negra: Wakanda para Sempre estará disponível em seu serviço de streaming já a partir do dia 1º de fevereiro. Com isso, todos os assinantes do serviço poderão revisitar o reino do Pantera e prestar suas homenagens.

Vale lembrar que, assim como outras produções da Marvel, Wakanda para Sempre também tem uma cena pós-crédito. No entanto, ela é um pouco diferente do habitual: ao invés de apontar o futuro do MCU, ela serve de fechamento para a própria história que está sendo contada e traz significados que vão muito além do universo de super-heróis. Vale ver e rever.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: