Mercado fechado
  • BOVESPA

    121.801,21
    -1.775,35 (-1,44%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.195,43
    -438,48 (-0,85%)
     
  • PETROLEO CRU

    68,29
    +0,14 (+0,21%)
     
  • OURO

    1.813,30
    -1,20 (-0,07%)
     
  • BTC-USD

    39.799,30
    +1.357,82 (+3,53%)
     
  • CMC Crypto 200

    981,48
    +54,71 (+5,90%)
     
  • S&P500

    4.402,66
    -20,49 (-0,46%)
     
  • DOW JONES

    34.792,67
    -323,73 (-0,92%)
     
  • FTSE

    7.123,86
    +18,14 (+0,26%)
     
  • HANG SENG

    26.426,55
    0,00 (0,00%)
     
  • NIKKEI

    27.684,23
    +100,15 (+0,36%)
     
  • NASDAQ

    15.092,25
    +18,75 (+0,12%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1178
    -0,0005 (-0,01%)
     

Qualcomm tem novo CEO e ele é brasileiro; veja quem é

·2 minuto de leitura

A gigante dos processadores e chips tem um novo CEO — ele é brasileiro. Presidente da Qualcomm desde janeiro 2018 e funcionário há 26 anos, Cristiano Amon, 50, agora assume o posto de executivo máximo da fabricante após ter sido anunciado para o cargo já no início deste ano.

"Estou honrado por ser nomeado o próximo CEO da Qualcomm e agradeço a confiança que Steve [Mollenkopf, ex-CEO] e o Conselho têm em mim. A Qualcomm é uma empresa incrível. Estamos na vanguarda da inovação há décadas e estou ansioso para manter essa posição no futuro. Além de impulsionar a expansão do 5G em dispositivos convencionais e além dos dispositivos móveis, a Qualcomm deve desempenhar um papel fundamental na transformação digital de vários setores, à medida que nossas tecnologias se tornam essenciais para conectar tudo à nuvem", disse Amon em comunicado publicado pela empresa em janeiro de 2021.

Como presidente da Qualcomm, Amon foi responsável pelos negócios de semicondutores (QCT) da Qualcomm, que inclui a divisão de dispositivos móveis, RF Front End, automotivo, fluxos de receita de internet das coisas e as operações globais da empresa. Amon conduziu a expansão e diversificação dos negócios entre setores e clientes, supervisionou a estratégia 5G da Qualcomm e por quase 15 anos tem atuado diretamente no line-up de produtos da companhia.

Imagem: Reprodução/ Qualcomm
Imagem: Reprodução/ Qualcomm

O novo CEO assume o comando da Qualcomm em meio à intenção clara da empresa em adquirir ações da ARM, famosa fabricante de chips e semicondutores que licencia seu formato para mais de 500 fabricantes. Ele, recentemente, chegou a citar o interesse na compra de ativos da companhia em uma entrevista.

Amon ingressou na Qualcomm em 1995 como engenheiro e ocupou vários cargos de liderança técnica e comercial ao longo de sua gestão na empresa. Ele é mestre em Engenharia Elétrica e tem doutorado honorário pela UNICAMP. Além disso, o novo CEO atua como copresidente do Conselho de IoT do Fórum Econômico Mundial.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos