Mercado fechado
  • BOVESPA

    102.224,26
    -3.586,99 (-3,39%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.492,52
    -1.132,48 (-2,24%)
     
  • PETROLEO CRU

    68,15
    -10,24 (-13,06%)
     
  • OURO

    1.788,10
    +1,20 (+0,07%)
     
  • BTC-USD

    55.110,84
    +665,75 (+1,22%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.365,60
    -89,82 (-6,17%)
     
  • S&P500

    4.594,62
    -106,84 (-2,27%)
     
  • DOW JONES

    34.899,34
    -905,04 (-2,53%)
     
  • FTSE

    7.044,03
    -266,34 (-3,64%)
     
  • HANG SENG

    24.080,52
    -659,64 (-2,67%)
     
  • NIKKEI

    28.751,62
    -747,66 (-2,53%)
     
  • NASDAQ

    16.051,00
    -315,00 (-1,92%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3485
    +0,1103 (+1,77%)
     

Qualcomm passa a fornecer chips para veículos da BMW

·2 min de leitura
A Qualcomm sign is shown outside one of the company's many buildings in San Diego, California, U.S., September 17, 2020. REUTERS/Mike Blake
Fachada da empresa em San Diego, na Califórnia
  • Empresa anunciou que BMW deve usar seus chips para sistemas de assistência ao motorista;

  • Novos chips serão utilizados na série de carros da BMW que será feita a partir de 2025;

  • Qualcomm é líder para fornecimento de chips para celulares;

A Qualcomm anunciou na terça-feira que a montadora alemã BMW usará seus chips em sua próxima geração de sistemas de assistência ao motorista e direção automática. A empresa, sediada em San Diego, é a maior fornecedora mundial de chips para telefones celulares, mas tem diversificado seus negócios, com mais de um terço das vendas de chips provenientes de outras fontes além de aparelhos móveis, segundo informações da agência Reuters.

Leia também:

O anúncio da utilização por parte da BMW pela Qualcomm foi de tamanha empolgação, que foi feito antes de uma apresentação para investidores da empresa, onde se esperava que ela desse novos detalhes sobre sua estratégia. Um porta-voz da montadora alemã disse a agência Reuters que os novos chips seriam usados ​​em sua série de carros 'Neue Klasse', cuja produção deve começar em 2025.

Qualcomm desafia rivais e quer crescer no ramo de chips automotivos

Os chips automotivos são uma área de crescimento importante para a Qualcomm, que fornece chips para painéis de instrumentos de sistemas para empresas como a General Motors. Mas a empresa também tem trabalhado para desafiar suas rivais da indústria, Nvidia e Intel, no fornecimento de chips que acionam computadores de assistência ao motorista para tarefas como manutenção automatizada na pista durante a direção, além de eventual automanutenção de sistemas de condução.

A Qualcomm e a BMW usarão um chip de processamento de visão computacional dedicado para analisar dados de câmeras frontais, traseiras e o modo surround. A montadora alemã também usará um chip de computação central da empresa chinesa e outro conjunto de chips da Qualcomm para ajudar o carro a se comunicar com datacenters de computação em nuvem, segundo a Reuters. Questionada pela agência, as duas empresas não disseram qual seria a participação de cada uma nesse acordo. 

Mesmo com o acordo com a Qualcomm, uma parceria existente entre a BMW e a unidade de tecnologia autônoma da Intel Mobileye continuaria, disse a BMW, embora os planos de lançar um veículo autônomo em 2021 não tenham se concretizado. Um sedã completo da Série 7 com tecnologia de direção autônoma de nível 3 da Intel, onde os carros podem dirigir sozinhos em condições limitadas, embora ainda precisem de um motorista, deve ser lançado no próximo ano, de acordo com a Reuters.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos