Mercado fechará em 1 h 13 min
  • BOVESPA

    112.767,93
    +3,67 (+0,00%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.826,60
    -26,77 (-0,05%)
     
  • PETROLEO CRU

    89,54
    -2,55 (-2,77%)
     
  • OURO

    1.793,20
    -22,30 (-1,23%)
     
  • BTC-USD

    24.095,65
    -200,76 (-0,83%)
     
  • CMC Crypto 200

    572,13
    -18,63 (-3,15%)
     
  • S&P500

    4.296,07
    +15,92 (+0,37%)
     
  • DOW JONES

    33.917,02
    +155,97 (+0,46%)
     
  • FTSE

    7.509,15
    +8,26 (+0,11%)
     
  • HANG SENG

    20.040,86
    -134,76 (-0,67%)
     
  • NIKKEI

    28.871,78
    +324,80 (+1,14%)
     
  • NASDAQ

    13.666,25
    +88,50 (+0,65%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,1738
    -0,0297 (-0,57%)
     

Qualcomm faz acordos com Volvo, Honda e Renault para chips

·2 min de leitura

Por Stephen Nellis

SÃO FRANCISCO, Estados Unidos (Reuters) - A Qualcomm anunciou nesta terça-feira acordos para fornecer chips às montadoras de veículos Volvo, Honda e Renault, acelerando estratégia de parcerias com empresas do setor automotivo que estão digitalizando seus produtos.

A companhia, conhecida por designs de chips em celulares, criou uma série de produtos para veículos, desde direção autônoma até sistemas de entretenimento.

O objetivo é o mesmo: ajudar montadoras a transformar seus veículos em computadores móveis que podem ser atualizados sem fio por meio de software pago, o que gera receita para as fabricantes dos carros, um modelo criado pela Tesla.

Durante o evento de tecnologia Consumer Electronics Show, em Las Vegas, a Qualcomm afirmou que acertou um acordo com as marcas Volvo e Polestar, controladas pela chinesa Geely, para fornecimento de chips "Snapdragon Cockpit" e de um sistema operacional do Google, a partir deste ano.

O acordo vai permitir que o utilitário esportivo elétrico da Volvo, que começará a ser produzido neste ano, seja compatível com o Google Assistant e o sistema de navegação Google Maps.

A Qualcomm também disse que a Honda vai começar a usar os chips "cockpit" em veículos que vão chegar às ruas em 2023.

Além disso, a empresa afirmou que a Renault fechou acordo para usar sua tecnologia automotiva, mas não deu detalhes sobre os chips ou quando os carros equipados com eles vão ser lançados.

A Qualcomm ainda anunciou nesta terça-feira que criou um novo chip e um novo sistema para visão de computadores, que usa câmeras instaladas no carro e inteligência artificial para ajudar o usuário com funções de segurança, como controle automático de faixa de rodagem. O novo "Snapdragon Ride Vision System" usa software da Arriver, que é parte da aquisição de 4,5 bilhões de dólares da empresa de tecnologia automotiva Veoneer feita pela Qualcomm no ano passado.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos