Mercado fechará em 5 h 58 min
  • BOVESPA

    112.436,72
    -1.376,15 (-1,21%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.504,58
    -225,22 (-0,46%)
     
  • PETROLEO CRU

    90,29
    -0,21 (-0,23%)
     
  • OURO

    1.766,30
    -4,90 (-0,28%)
     
  • BTC-USD

    21.434,78
    -2.040,09 (-8,69%)
     
  • CMC Crypto 200

    508,10
    -33,50 (-6,18%)
     
  • S&P500

    4.237,05
    -46,69 (-1,09%)
     
  • DOW JONES

    33.748,89
    -250,15 (-0,74%)
     
  • FTSE

    7.562,21
    +20,36 (+0,27%)
     
  • HANG SENG

    19.773,03
    +9,12 (+0,05%)
     
  • NIKKEI

    28.930,33
    -11,81 (-0,04%)
     
  • NASDAQ

    13.316,25
    -207,00 (-1,53%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,2255
    +0,0117 (+0,22%)
     

Qualcomm confirma lançamento de novos chips Snapdragon Wear para smartwatches

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

A Qualcomm divulgou uma prévia da próxima geração de processadores para vestíveis Snapdragon Wear. Os futuros chipsets podem trazer importantes melhorias para os relógios inteligentes que rodam o sistema operacional Wear OS do Google.

Em uma publicação no Twitter, a Qualcomm compartilhou um vídeo fazendo referência aos próximos chips para smartwatches. Enquanto a legenda menciona que “o relógio está correndo para algo grande”, uma frase no final do teaser sugere que uma novidade será revelada em breve.

Sucessor do Snapdragon Wear 4100

A expectativa é que a Qualcomm anuncie os sucessores da série Snapdragon Wear 4100, chips lançados em 2020. As plataformas de 12 nm usam um coprocessador que auxilia nas tarefas de segundo plano, como sensores e som, além de ter melhor desempenho e autonomia de bateria que as gerações anteriores.

Em fevereiro deste ano, os primeiros rumores indicavam que a marca norte-americana estava trabalhando na suposta linha Snapdragon Wear 5100. Em destaque, os novos processadores poderiam ser fabricados com o processo de 4 nm da Samsung.

O avanço em relação à litografia dos chipsets pode trazer mais velocidade de desempenho e maior duração das baterias para os vestíveis com Wear OS. Tal como, a tecnologia estaria à frente dos principais concorrentes da categoria.

Usado no Galaxy Watch 4 e Galaxy Watch 4 Classic, o Exynos W920 é construído com o processo de 5 nm da própria Samsung. Enquanto isso, a plataforma S7, que alimenta o Apple Watch Series 7, é produzida com nó de 7 nm da TSMC.

O Montblanc Summit 3 é um dos smartwatches recentes com Snapdragon Wear 4100 Plus (Imagem: Divulgação/Montblanc)
O Montblanc Summit 3 é um dos smartwatches recentes com Snapdragon Wear 4100 Plus (Imagem: Divulgação/Montblanc)

Melhorias para o Wear OS

A chegada do próximo Snapdragon Wear deve contribuir ainda mais com o crescimento do ecossistema Wear OS do Google. Algo que já foi constatado após a estreia do Exynos W920, que trouxe consideráveis melhorias para a integração entre celulares e tablets baseados no Android.

Até o momento, a Qualcomm não revelou informações sobre a estreia e as especificações do novo chip para vestíveis. Bem como, não há notícias sobre quais marcas usarão a plataforma em futuros lançamentos.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos