Mercado fechado
  • BOVESPA

    110.580,79
    +234,97 (+0,21%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.304,04
    -72,85 (-0,14%)
     
  • PETROLEO CRU

    110,13
    -0,16 (-0,15%)
     
  • OURO

    1.865,20
    +17,40 (+0,94%)
     
  • BTC-USD

    29.391,05
    -10,40 (-0,04%)
     
  • CMC Crypto 200

    655,27
    -0,56 (-0,08%)
     
  • S&P500

    3.941,48
    -32,27 (-0,81%)
     
  • DOW JONES

    31.928,62
    +48,38 (+0,15%)
     
  • FTSE

    7.484,35
    -29,09 (-0,39%)
     
  • HANG SENG

    20.112,10
    -357,96 (-1,75%)
     
  • NIKKEI

    26.748,14
    -253,38 (-0,94%)
     
  • NASDAQ

    11.788,50
    -246,75 (-2,05%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,1708
    +0,0231 (+0,45%)
     

Qual a autonomia mínima aceitável de um carro elétrico?

·1 min de leitura

Uma pesquisa na Noruega revelou um pouco do hábito de quem é dono de um carro elétrico. Segundo o levantamento feito pela Associação Norueguesa de Automóveis (NAF), 46% dos usuários possuem um modelo zero emissão com autonomia de até 300km, bem abaixo do que parte das marcas vem oferecendo atualmente (algo na casa dos 400km).

O material é relevante porque a Noruega é um dos países com maior percentual de carros elétricos nas ruas, o suficiente para se ter uma noção do que os donos desse tipo de automóvel consideram como "mínimo aceitável". Na amostragem, porém, foram entrevistadas 707 pessoas, que revelaram todas as suas ações com seus respectivos possantes.

Mas é importante frisar que a Noruega possui uma ampla rede de carregadores públicos e, por isso, talvez os motoristas não se importem tanto com o tamanho das baterias de seus carros elétricos. Prova disso é que entre os entrevistados que têm modelos com até 200km de alcance, a recarga é praticamente diária.

Renault Zoe de primeira geração ainda faz sucesso na Europa e tem autonomia de 300km (Imagem: Felipe Ribeiro/Canaltech)
Renault Zoe de primeira geração ainda faz sucesso na Europa e tem autonomia de 300km (Imagem: Felipe Ribeiro/Canaltech)

Além disso, segundo a pesquisa, 71% dos entrevistados tinha um carregador de bom nível em casa, conhecidos como "wallbox", enquanto apenas 17% utilizam tomadas convencionais.

Com a 300km de autonomia, modelos como o Nissan Leaf e a geração antiga do Renault Zoe atenderiam perfeitamente os noruegueses, enquanto opções como o Chevrolet Bolt e o Volvo XC40 Pure Electric já seriam considerados exceções.

E aqui no Brasil? Qual você acredita que seria autonomia mínima aceitável para ter um carro elétrico? Conta para gente nas redes sociais.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos