Mercado fechado

Qual é o melhor iPad para estudar?

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

O melhor iPad para estudar não precisa ser o mais potente e completo em recursos. Você precisa de um bom desempenho, duração de bateria para muitas horas e suporte a acessórios que ajudem no processo.

A Apple tem quatro modelos de tablet: normal, mini, Air e Pro. Cada um tem suas características próprias, com vantagens e desvantagens. E preços bem diferentes. Não é muito fácil entender qual é o mais indicado para estudar.

Mas como escolher o melhor tablet da Apple para o seu uso? Aí vai depender se você precisa do iPad para outras tarefas. Se for apenas para estudar, mesmo, é só ver qual é o que entrega mais por menos. E isso depende de acessórios compatíveis e alguns outros fatores.

Vamos ver os motivos para o iPad de 9ª Geração ser o mais indicado para a maior parte dos estudantes.

Como escolher o melhor iPad para estudar

Como já expliquei, você precisa se atentar a alguns fatores. Os principais são o tamanho da tela, a duração da bateria, o desempenho e o suporte a acessórios.

Se for considerar custo-benefício, eu indico o iPad de 9ª Geração. O dispositivo tem bom tamanho de tela, confortável para passar horas estudando, traz bateria para até 10 horas de uso, e possui bom desempenho. De quebra, traz suporte ao Apple Pencil de 1ª Geração e ao Smart Keyboard.

Em resumo, tem tudo o que você precisa, e seu preço é bem mais em conta que os outros modelos da própria Apple. A tela é maior e mais confortável que a do iPad Mini. E, apesar de não ser tão potente quanto o Air ou o Pro, é rápido o suficiente para jogos, e custa bem menos.

Por que não escolher o iPad Pro?

O poderoso iPad Pro 11 (2021) com chip M1, tela Liquid Retina de 12,9 polegadas, câmera traseira dupla, carregamento rádio e muito mais também é uma excelente opção para estudar. O problema é seu preço, salgado demais para esta única finalidade.

iPad Pro é mais indicado para trabalhos com apps pesados (Imagem: Ivo Meneghel Jr/Canaltech)
iPad Pro é mais indicado para trabalhos com apps pesados (Imagem: Ivo Meneghel Jr/Canaltech)

O iPad Pro de 5ª Geração, assim como seus antecessores, foi projetado para tarefas pesadas. Não só jogos, como aplicativos de renderização 3D e edição de vídeo. É o tablet da Apple que melhor substitui um computador, desde que você também tenha acessórios.

Assim, considerando o seu alto preço de mais de R$ 9.000, não o considero o modelo ideal para estudar. Mas, se você puder arcar com o valor e tiver um uso além do estudo, o iPad Pro é uma boa opção, sim. Bom notar que mesmo gerações anteriores ainda têm alto custo.

Por que não escolher o iPad Air?

Opção mais em conta e também com o chip M1, o iPad Air 5ª Geração poderia ser mais uma opção para estudar. O tablet tem tela Liquid Retina de 12,9 polegadas, é compatível com Apple Pencil de 2ª Geração e já traz porta USB-C. Mas ainda tem preço elevado.

iPad Air é mais leve que o Pro, mas ainda tem preço elevado para usar para estudos (Imagem: Ivo Meneghel Jr/Canaltech)
iPad Air é mais leve que o Pro, mas ainda tem preço elevado para usar para estudos (Imagem: Ivo Meneghel Jr/Canaltech)

Apesar de ser um pouco menor do que o iPad de 9ª Geração — mesmo com tela um pouco maior —, o iPad Air de 5ª Geração tem dimensões inferiores e pesa cerca de 30 gramas a menos.

Mas o investimento fica em torno dos R$ 4.800, também valor salgado para estudantes. Modelos de gerações anteriores são, curiosamente, ainda mais caros.

Por que não escolher o iPad Mini?

O iPad Mini é consideravelmente menor. A tela de 8,3 polegadas já fica um pouco desconfortável para leitura. Além disso, ele não tem compatibilidade com nenhum teclado para tablets da Apple, apenas modelos Bluetooth.

Seu preço também fica mais alto do que o de um iPad de 9ª Geração. O iPad mini de 6ª geração fica na casa dos R$ 3.200, quase R$ 1.000 a mais do que a versão mais acessível da Apple.

Qual é o melhor iPad para estudar?

Além de atender bem aos principais requisitos para ser um bom iPad para estudar, o modelo de 9ª Geração tem menos desvantagens, também. Seu custo-benefício para estudantes é o melhor disparado.

Além disso, o modelo é compatível não só com Apple Pencil de 1ª geração como também com Smart Keyboard. Ou seja, você consegue transportar tablet e teclado de maneira simples, em conjunto. É como se fosse uma capinha para o iPad.

iPad de 9ª Geração tem o melhor custo-benefício (Imagem: Ivo Meneghel Jr/Canaltech)
iPad de 9ª Geração tem o melhor custo-benefício (Imagem: Ivo Meneghel Jr/Canaltech)

O tamanho da tela, de 10,2 polegadas, com boa resolução, e o chip A13 Bionic, com desempenho mais que suficiente para o uso do dia a dia, estão dentro do esperado. Além disso, a duração de bateria para tarefas mais básicas e até para jogos é impressionante.

Em resumo, o iPad de 9ª Geração é o tablet com melhor custo-benefício entre as opções da Apple para estudar.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos