Mercado fechará em 5 h 44 min

Quais são as categorias mais buscadas pelos consumidores no mês da Black Friday?

·2 min de leitura

A Black Friday de 2021 acontece no final de novembro, e os consumidores já estão preparando listas dos produtos que querem comprar durante o período de ofertas. Mas, quais são as categorias que clientes mais buscam durante a época?

Uma pesquisa da Promobit entrevistou mais de 5.000 pessoas de todas as regiões do país para saber quais são os tipos de produtos mais procurados para o evento de 2021. Segundo o levantamento, a categoria de roupas e calçados lidera o interesse dos clientes, contando com 36% das intenções de compra dos consumidores interessados na Black Friday, superando produtos como smartphones, que ficou com 35% das intenções, e computadores e notebooks com 32%.

A busca por consoles também será alta, já que a categoria aparece em terceiro com 34%, com destaque para essa sendo a primeira Black Friday após o lançamento da nova geração de videogames. Ano passado, a média de descontos dessa categoria foi de 61%.

O Promobit realizou a mesma pesquisa no ano passado, e roupas e acessórios não estavam no Top 10 de 2020 durante o período. Para Fábio Carneiro, CEO da empresa, o resultado foi uma surpresa:

O resultado da pesquisa inicialmente foi uma surpresa, pois nos anos anteriores as categorias mais desejadas eram smartphones, informática e eletrônicos. No entanto, se pararmos para analisar friamente o contexto, muitos brasileiros deixaram de comprar roupas por ficarem mais tempo em casa, reflexo do Home Office e quarentena, e com a queda do número de casos de Covid, as pessoas estão voltando a sair mais de casa tanto para lazer quanto trabalho e isso eleva a busca por novas roupas, comenta Fabio Carneiro, CEO do Promobit

Confira a seguir as categoriais mais buscadas e o desconto médio que elas tiveram na Black Friday do ano passado:

Produtos

Nível de interesse

Desconto médio ano passado

Roupas e calçados

36%

44%

Smartphone

35%

28%

Videogame (consoles e jogos)

34%

61%

Computadores e notebooks

32%

18%

Smart TV

31%

17%

Outros eletrônicos

23%

22%

Eletrodomésticos

13%

21%

Ferramentas

8%

28%

Móveis

7%

33%

Cadeira gamer

7%

34%

Por fim, o CEO da Promobit explica que as médias de desconto não são o máximo que os produtos da categoria podem cair em termos de preço, exemplificando com o smartphone Galaxy A20 em 2020, que teve desconto de 48%, 20% a mais do que a média de sua categoria.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos