Mercado fechado
  • BOVESPA

    98.953,90
    +411,95 (+0,42%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    47.743,15
    +218,70 (+0,46%)
     
  • PETROLEO CRU

    108,46
    +2,70 (+2,55%)
     
  • OURO

    1.812,90
    +5,60 (+0,31%)
     
  • BTC-USD

    19.262,10
    +62,64 (+0,33%)
     
  • CMC Crypto 200

    420,84
    +0,70 (+0,17%)
     
  • S&P500

    3.825,33
    +39,95 (+1,06%)
     
  • DOW JONES

    31.097,26
    +321,83 (+1,05%)
     
  • FTSE

    7.168,65
    -0,63 (-0,01%)
     
  • HANG SENG

    21.859,79
    -137,10 (-0,62%)
     
  • NIKKEI

    25.935,62
    -457,42 (-1,73%)
     
  • NASDAQ

    11.610,50
    +81,00 (+0,70%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5587
    +0,0531 (+0,96%)
     

Quais as diferenças entre criptomoedas e tokens?

Para um iniciante no mundo dos investimentos digitais é crucial entender a diferença entre criptomoedas e tokens. A importância está principalmente em saber distinguir os dois ativos e poder analisar cada um deles com mais segurança.

As criptomoedas têm suas próprias blockchains, um registro compartilhado e imutável em que são registradas as transações. Já os tokens são uma “subclasse” de criptomoedas construídas “dentro” de blockchains já existentes. Partindo desse ponto, vamos estudar melhor o que distingue um do outro.

Um método simples para qualquer pessoa distinguir entre criptomoeda e token é fazer a pergunta: "Esse ativo tem sua própria blockchain ou funciona dentro de uma já existente?" A partir da resposta, fica mais fácil descobrir o que é token e o que é criptomoeda.

Para entender melhor as diferenças entre os termos, veja esse exemplo: existe a Ethereum, uma moeda digital com blockchain própria, com o token nativo Ether (ETH). Mas também existem Shiba inu (SHIB), Tether USD (USDT), Matic (MATIC), que são tokens criados dentro da rede Ethereum.

O que é criptomoeda?

Uma criptomoeda é o ativo nativo de uma rede blockchain. Ela faz parte diretamente da blockchain na qual é executada, sendo assim chamada de moeda nativa. É um sistema digital independente, que permite aos usuários enviar e receber transações sem a necessidade de intermediários. Quando você realiza uma transferência, isso é registrado em um livro-razão, que é digital, público e inalterável.

Várias criptomoedas do mercado (Imagem: Reprodução/Envato/grafvision)
Várias criptomoedas do mercado (Imagem: Reprodução/Envato/grafvision)

As criptomoedas normalmente possuem as características abaixo:

  • Usa criptografia para proteger a estrutura e o sistema de rede;

  • São descentralizadas, ou pelo menos não dependentes de uma organização emissora central. Elas funcionam por meio de código de computador, responsável pelo gerenciamento da emissão e das transações;

  • São construídas em uma blockchain própria, permitindo que os participantes apliquem as regras do sistema de maneira automatizada e sem confiança.

Vale destacar que algumas criptomoedas com blockchains próprias podem ser "cópias" de outra cripto, mas que implementaram alguma alteração no funcionamento. Exemplos disso são essas cópias do Bitcoin:

  • Litecoin: alterou o código para realizar transações mais rápidas. O Bitcoin segue um prazo de 10 minutos para confirmar as transações, a Litecoin confirma em dois minutos e meio.

  • Dogecoin: também copiou o código do Bitcoin, alterou para confirmar as transações em menos de 1 minuto e ter moedas infinitas;

  • Dash: outra cópia do Bitcoin, também alterou o código para obter mais velocidade e mudar o modo como é minerada.

O que são tokens?

Os tokens são unidades de valor baseadas em uma blockchain existente. Apesar de coexistir com as criptomoedas da rede a qual faz parte, são uma classe de ativos totalmente diferente. Tokens, assim como criptomoedas, são ativos de valor e também são utilizados como moedas de trocas em negociações. Também podem ser criados para representar ativos tangíveis, que se pode tocar, como imóveis e arte.

Normalmente, os tokens costumam ter as características abaixo:

  • Programáveis: são executados em protocolos de software operados por contratos inteligentes, programas que se executam de forma automática e especificam os recursos e funções dos tokens e as regras de funcionamento da rede;

  • Livre de permissão: qualquer pessoa pode participar do sistema sem a necessidade de autorizações especiais;

  • Livre de confiança: significa que nenhuma autoridade central controla o sistema, ele é executado nas regras pré definidas pelo protocolo da blockchain a qual faz parte;

  • Transparente: relacionados às regras do protocolo e suas transações, visíveis e verificáveis ​​por qualquer pessoa com acesso à internet.

É comum encontrar nas redes sociais conversas em que os participantes não sabem a diferença e confundem os termos criptomoeda e token (Imagem: Reprodução/Envato/Icons8)
É comum encontrar nas redes sociais conversas em que os participantes não sabem a diferença e confundem os termos criptomoeda e token (Imagem: Reprodução/Envato/Icons8)

Por que é importante saber a diferença entre criptomoeda e token?

Até mesmo alguns investidores veteranos não sabem a diferença entre criptomoeda e token. É bastante comum encontrar em bate-papos das redes sociais, conversas em que os participantes confundem os termos. Se você pretende investir nessa classe de ativos, é importante saber a diferença desses ativos. A criptomoeda é um ativo independente com blockchain própria, enquanto o token é um construído dentro de uma blockchain pré-existente.

Para o investidor, é mais confiável direcionar seu capital para moeda digital independente com rede própria e que possua vários tokens criados em sua blockchain. Quanto mais tokens criados na rede, mais confiança o projeto possui.

Se você busca investir em tokens, vale a mesma lógica: quantos mais projetos construídos na blockchain na qual o token foi criado, mais credibilidade ele passa a ter no mercado. Com isso, fica mais fácil tomar decisões e evitar a perda de dinheiro.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos