Mercado fechará em 2 h 55 min

Quadrinista brasileiro tira onda do porte físico do Namor em Pantera Negra 2

Pantera Negra: Wakanda Para Sempre chega aos cinemas brasileiros em novembro, e o trailer já vêm mostrando que a trama deve apresentar um conflito entre Wakanda e o reino submarino de Namor, que fará sua estreia no Universo Cinematográfico Marvel (MCU, na sigla em inglês). E o personagem aparecerá bem diferente dos quadrinhos — o que foi motivo de crítica do veterano quadrinhista Mike Deodato Jr., desenhista da Marvel.

Para diferenciar bastante Namor do concorrente Aquaman, que já teve filme lançando nos últimos anos pela DC Films, a Marvel optou por agregar a cultura asteca à cidade submarina de Atlântida — que em Pantera Negra: Wakanda Para Sempre terá o nome de Tlālōcān. Essa interessante mudança também traz alterações no visual do Príncipe Submarino, que será interpretado pelo mexicano Tenoch Huerta.

Além disso, seu visual trará vários adereços à cultura asteca, incluindo um cocar e outros acessórios que o diferenciam bastante do Aquaman. Mas não foi exatamente a mudança de etnia ou de cultura, ou até o traje que teria incomodado Deodato Jr., e sim o porte físico de Huerta. O ilustrador publicou a seguinte mensagem em sua conta de Instagram, ao lado de uma foto sua nua, de costas: “Você pode dizer que alguém estragou tudo quando um personagem de um filme parece pior do que o artista de 60 anos que o desenhou”.

Quadrinista brasileiro tira um sarrinho do físico de Namor em Pantera Negra 2 (Imagem: Reprodução/Instagram)
Quadrinista brasileiro tira um sarrinho do físico de Namor em Pantera Negra 2 (Imagem: Reprodução/Instagram)

Deodato Jr. é um artista consagrado mundo afora, e já fazia bastante sucesso no Brasil antes mesmo de começar a desenhar os personagens da Marvel. Ele teve uma importante participação na reformulação da Casa das Ideias nos anos 2000 e 2010, inclusive usando seu estilo realista para aproximar a caracterização dos cinemas nas páginas das revistas.

Posteriormente, Deodato Jr., após receber algumas críticas em suas redes sociais, decidiu se desculpar pela brincadeira, dizendo que “estava tirando sarro de um personagem de quadrinhos, não de um ator”. E fez questão de destacar que não estava incomodado com a etnia de Huerta. “Não foi minha intenção ferir os sentimentos de ninguém, principalmente do ator em questão, que tenho a certeza de que fará um grande trabalho com o personagem”.

Quadrinista brasileiro pede desculpas pela brincadeira, após algumas críticas nas redes sociais (Imagem: Reprodução/Instagram)
Quadrinista brasileiro pede desculpas pela brincadeira, após algumas críticas nas redes sociais (Imagem: Reprodução/Instagram)

Tudo bem que Huerta também poderia brincar com as proporções exageradas das mulheres que Deodato Jr. já desenhou no passado, mas aí também seria alimentar algo que, na internet, toma proporções assustadoras. De qualquer forma, Namor, que já parece mais interessante em sua versão dos cinemas do que nos próprios quadrinhos, poderá ser visto por aqui a partir do dia 10 de novembro, em Pantera Negra: Wakanda Para Sempre.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: