Mercado fechará em 4 h 53 min

PUBG Mobile é líder de faturamento entre games para dispositivos móveis em maio

Claudio Yuge

Embora a grande maioria dos setores tenha sido impactado em cheio pela pandemia do novo coronavírus (SARS-CoV-2), algumas áreas, como as de entregas, e-commerce e entretenimento digital, aumentaram expressivamente sua receita nos últimos meses. É o caso dos games para dispositivos móveis. Prova disso é o sucesso de Playerunknown’s Battlegrounds (PUBG) Mobile, que, segundo a firma de consultoria Sensor Tower, arrecadou nada menos do que US$ 226 milhões em gastos de usuários somente no mês de maio — sem contar outras fontes de receita.

Além do battle royale na primeira posição de maior receita entre os games mobile, a chinesa Tencent emplacou Honor of Kings, a segunda colocação, com US$ 204,5 milhões em arrecadação global via compra interna de consumidores no software. Ambos os títulos tiveram mais da metade da receita vinda da China e o crescimento ano a ano foi de 41% e 42%, confirmando “o efeito-COVID-19”.

Divulgação/Sensor Tower

Outro destaque na lista é o Pokémon GO, que, embora esteja na sétima posição da lista, conquistou US$ 82,2 milhões em maio — é a maior arrecadação de receita com gastos de consumidores desde setembro de 2019. Vale destacar que esse levantamento leva em consideração as transações realizadas nos apps distribuídos via App Store e Google Play. Ou seja, com os canais próprios na China, pode ser que os líderes, sediados naquele país, possam ter faturado ainda mais.

Diferente de outras áreas, o setor de games em dispositivos móveis teve grande alta nos últimos meses e um levantamento da firma de consultoria na web Sensor Tower mostram números expressivos de títulos da gigante chinesa Tencent

Fonte: Canaltech