Mercado fechado
  • BOVESPA

    112.690,17
    +1.506,22 (+1,35%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    46.004,19
    -373,28 (-0,80%)
     
  • PETROLEO CRU

    63,98
    +0,15 (+0,23%)
     
  • OURO

    1.686,40
    -14,30 (-0,84%)
     
  • BTC-USD

    46.575,20
    -3.738,61 (-7,43%)
     
  • CMC Crypto 200

    930,66
    -56,55 (-5,73%)
     
  • S&P500

    3.768,47
    -51,25 (-1,34%)
     
  • DOW JONES

    30.924,14
    -345,95 (-1,11%)
     
  • FTSE

    6.650,88
    -24,59 (-0,37%)
     
  • HANG SENG

    29.236,79
    0,00 (0,00%)
     
  • NIKKEI

    28.397,99
    -532,12 (-1,84%)
     
  • NASDAQ

    12.323,25
    -131,75 (-1,06%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,7821
    -0,0038 (-0,06%)
     

Prumo, bp e Siemens fecham acordo com a SPIC para participar de projetos de infraestrutura de energia no Brasil

·8 minuto de leitura
  • SPIC Brasil adquire 33% dos projetos GNA I e GNA II 3GW LNG-to-power

  • Concorda em participar de potenciais projetos de expansão futura, GNA III e GNA IV

A Prumo, uma empresa privada brasileira controlada pela EIG Global Energy Partners, bp, Siemens e SPIC Brasil ("SPIC") anunciou hoje a conclusão da transação anunciada anteriormente pela qual a SPIC adquiriu 33% de empreendimentos GNA I e GNA II LNG-to-power localizados no Porto do Açu, Rio de Janeiro. A SPIC também fechou o acordo previamente anunciado para participar de potenciais projetos de expansão futura, GNA III e GNA IV, que deverão ser alimentados por uma combinação de GNL e gás doméstico das vastas reservas do pré-sal do Brasil.

Juntos, GNA I e GNA II formam o maior projeto de gás para energia da América Latina, com 3 GW de capacidade instalada - o suficiente para fornecer energia para até 14 milhões de residências. O complexo também inclui um terminal de GNL com capacidade total de 21 milhões de m3/dia e dutos capazes de conectar gás do pré-sal offshore e GNL à rede de transporte de gás do Brasil.

O GNA I, que tem capacidade instalada de 1,3 GW, começará a operar no primeiro semestre de 2021. A primeira carga de GNL, fornecida pela bp, foi transferida com sucesso para a unidade flutuante de armazenamento e regaseificação (FSRU) da BW Magna em 27 de dezembro, 2020.

O GNA II garantiu um contrato de financiamento de US$ 737 milhões com o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). Com 1,7 GW de capacidade instalada, espera-se que GNA II crie até 5.000 empregos durante a construção e 500 empregos adicionais quando começar a operar.

O fechamento bem-sucedido desta transação durante a pandemia COVID-19 reforça a posição do GNA como um elemento-chave nos mercados de gás natural e energia em rápido crescimento do Brasil e um catalisador para a transição energética global. Este acordo fortalece a posição do Brasil como um ambiente fértil para atração de novos investimentos e ajuda a estabelecer as bases para os projetos de expansão GNA III e GNA IV e para a estratégia de pólo de gás doméstico e projetos de energias renováveis. O investimento total estimado planejado no complexo de gás e energia da GNA é de aproximadamente US$ 5 bilhões.

A contribuição da SPIC para esta parceria está centrada em sua experiência em estratégia de operação e gerenciamento de projetos no Brasil. A Siemens Financial Services (braço financeiro da Siemens AG) planeja contribuir com capital, tecnologia inovadora e sua experiência no gerenciamento de projetos semelhantes. A Siemens Energy será responsável pela construção da usina e fornecerá serviços de operação e manutenção (O&M) de longo prazo para a usina.

A bp contribuirá com seu portfólio global de GNL, atuando como um fornecedor de gás inovador e integrado. E a Prumo contribuirá com toda a infraestrutura e operações portuárias para a parceria, enquanto dirige o desenvolvimento e integração do projeto. A parceria facilita a expansão de uma série de projetos e demonstra o compromisso das partes em concluir os investimentos significativos em desenvolvimento.

O BofA Securities and Lakeshore Partners atuou como consultores financeiros para o GNA e seus patrocinadores. O Itaú BBA atuou como assessor financeiro exclusivo da SPIC.

Siemens Financial Services (SFS) (o braço financeiro da Siemens) fornece soluções financeiras business-to-business. Uma combinação única de experiência financeira, gerenciamento de risco e know-how do setor permite que a SFS crie soluções financeiras inovadoras sob medida. Com isso, a SFS facilita o crescimento, cria valor, aumenta a competitividade e ajuda os clientes a acessar novas tecnologias. A SFS apoia investimentos com financiamento e leasing de equipamentos e tecnologia, empréstimos corporativos, investimentos de capital e financiamento de projetos e estruturados. Soluções de financiamento de contas a receber e negócios completam o portfólio SFS. Com uma rede internacional, a SFS está bem adaptada aos requisitos legais específicos de cada país e é capaz de fornecer soluções financeiras globalmente. Na Siemens, a SFS é uma consultora especializada para riscos financeiros. A Siemens Financial Services tem sua sede global em Munique, Alemanha, e tem quase 3.000 funcionários em todo o mundo. www.siemens.com/finance.

A Siemens Energy é uma das principais empresas de tecnologia de energia do mundo. A empresa trabalha com seus clientes e parceiros em sistemas de energia para o futuro, apoiando assim a transição para um mundo mais sustentável. Com seu portfólio de produtos, soluções e serviços, a Siemens Energy cobre quase toda a cadeia de valor de energia - da geração e transmissão de energia ao armazenamento. O portfólio inclui tecnologia de energia convencional e renovável, como turbinas a gás e a vapor, usinas híbridas operadas com hidrogênio e geradores e transformadores. Mais de 50 por cento do portfólio já foi descarbonizado. Uma participação majoritária na empresa listada Siemens Gamesa Renewable Energy (SGRE) torna a Siemens Energy um líder global no mercado de energias renováveis. Estima-se que um sexto da eletricidade gerada em todo o mundo seja baseado em tecnologias da Siemens Energy. A Siemens Energy emprega mais de 90.000 pessoas em todo o mundo em mais de 90 países e gerou uma receita de cerca de € 27,5 bilhões no ano fiscal de 2020. www.siemens-energy.com.

A bp é uma empresa de energia integrada com operações na Europa, América do Norte e do Sul, Australásia, Ásia e África. Atuamos em 79 países. Com mais de 100 anos de experiência mergulhada no mundo da energia, entendemos profundamente os mercados de energia e desenvolvemos capacidades únicas em comércio, marketing, tecnologia e inovação. O novo propósito da bp é reimaginar a energia para as pessoas e nosso planeta - para que a bp se torne uma empresa zero líquida em 2050 ou antes, e para ajudar o mundo a chegar à zero líquido. www.bp.com

SPIC Brasil, subsidiária de propriedade da State Power Investment Corporation (SPIC), uma empresa global de geração de energia e projetos relacionados. No Brasil, isso se traduz na união entre a expertise e solidez financeira de um grande grupo chinês e o pioneiro australiano com mais de 20 anos de experiência em energias renováveis. Atualmente, a SPIC Brasil opera a Usina Hidrelétrica São Simão, na divisa dos estados de Minas Gerais e Goiás, o Parque Eólico Millennium e o Parque Eólico Vale dos Ventos na Paraíba. No Brasil, a empresa conta com cerca de 160 funcionários, localizados em São Paulo (SP), Natal (RN), São Simão (GO) e Mataraca (PB). A SPIC Global tem capacidade instalada total de 151 GW. Possui mais de 130.000 funcionários nos 64 países em que opera.

A Prumo é o grupo econômico multiempresarial responsável pelo desenvolvimento estratégico do Porto do Açu. Somos controlados pelo EIG Global Energy Partners, um fundo com sede nos Estados Unidos com foco em energia e infraestrutura, e pela Mubadala Investment Company, um investidor ativo e inovador que aloca capital em uma variedade de segmentos. Por meio das seis empresas do Grupo (Porto do Açu Operações, Ferroport, Açu Petróleo, GNA, Dome e BP Prumo) e de nossos clientes e parceiros, o Porto do Açu atende os segmentos de petróleo e gás, logística portuária e mineração. Sua infraestrutura tem potencial ímpar para suportar novos negócios e diversos nichos industriais. Orientado pela perspectiva estratégica da Prumo, Açu é hoje um dos maiores e mais promissores empreendimentos do Brasil. Com segurança e eficiência operacional aliadas à força da visão de longo prazo do Grupo e à proximidade das principais bacias exploratórias de petróleo, Açu se consolida como a melhor solução para as demandas mais desafiadoras.

A EIG Global Energy Partners ("EIG") é um investidor institucional líder no setor de energia global com US$ 22 bilhões sob gestão em 31 de dezembro de 2020. A EIG é especializada em investimentos privados em energia e infraestrutura relacionada à energia em uma base global. Durante seus 39 anos de história, a EIG comprometeu mais de US$ 34,9 bilhões ao setor de energia por meio de mais de 365 projetos ou empresas em 36 países em seis continentes. Os clientes da EIG incluem muitos dos principais planos de pensão, seguradoras, doações, fundações e fundos de riqueza soberana nos EUA, Ásia e Europa. A EIG está sediada em Washington, D.C., com escritórios em Houston, Londres, Sydney, Rio de Janeiro, Hong Kong e Seul. Para obter informações adicionais, visite o site do EIG em www.eigpartners.com.

O texto no idioma original deste anúncio é a versão oficial autorizada. As traduções são fornecidas apenas como uma facilidade e devem se referir ao texto no idioma original, que é a única versão do texto que tem efeito legal.

Ver a versão original em businesswire.com: https://www.businesswire.com/news/home/20210201005721/pt/

Contacts

bp
Cleide Rodrigues: +55 11 3323 1581 – bp@broudeur.com.br

Serviços financeiros da Siemens
Jillian Lukach: +1 (732) 512-7550 - jillian.lukach@siemens.com

Siemens Energy Brasil
Priscilla Garcez: +55 11 98996-2610 - priscilla.garcez@siemens-energy.com

Prumo
Thaina Halac: +55 21 3114-0779 - thaina@danthicomunicacoes.com.br

SPIC
CONSULTORAS PUBLICIS
Cibele Gandolpho: +55 11 3169-9331 - cibele.gandolpho@mslgroup.com
Thaís Thomaz: +55 11 3169-9373 – thais.thomaz@mslgroup.com

EIG Global Energy Partners
Sard Verbinnen& Co.
Kelly Kimberly/Brandon Messina: +1 212 687 8080 – EIG-SVC@sardverb.com