Mercado fechará em 3 h 58 min
  • BOVESPA

    121.324,57
    -2.251,99 (-1,82%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.162,41
    -471,50 (-0,91%)
     
  • PETROLEO CRU

    68,21
    -2,35 (-3,33%)
     
  • OURO

    1.807,20
    -2,90 (-0,16%)
     
  • BTC-USD

    39.310,68
    +1.115,97 (+2,92%)
     
  • CMC Crypto 200

    968,53
    +41,76 (+4,51%)
     
  • S&P500

    4.406,11
    -17,04 (-0,39%)
     
  • DOW JONES

    34.841,09
    -275,31 (-0,78%)
     
  • FTSE

    7.123,86
    +18,14 (+0,26%)
     
  • HANG SENG

    26.426,55
    +231,73 (+0,88%)
     
  • NIKKEI

    27.584,08
    -57,75 (-0,21%)
     
  • NASDAQ

    15.043,75
    -2,50 (-0,02%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1976
    +0,0321 (+0,52%)
     

Projeto de empresas quer ajudar na inserção de trans e travestis na sociedade

·1 minuto de leitura
a young caucasian person, seen from behind, holding a transgender pride flag over his or her head against the blue sky
Na foto, alguém carrega a bandeira que representa a comunidade trans
  • Grandes empresas criam projetos para ajudar na inserção se travestis e trans na sociedade

  • Dinâmicas serão online, em sua maioria

  • Foco será em mulheres transexuais e travestis, por enquanto

Com o projeto SOMA (Somos Mais Fortes em Conjunto), Natura, Basf, Visa e LinkedIn se juntaram para ajudar na inserção de travestis e transexuais na sociedade. Segundo o coordenador no Centro de Experiências Científicas e Digitais da BASF, Carlos Henrique Almeida, a ideia do projeto é “apoiar essas pessoas a se desenvolverem com autoconhecimento, recebendo ferramentas práticas, despertando um senso de autonomia e pertencimento”. As informações são da Exame.

Leia mais:

Serão disponibilizados conteúdos e dinâmicas online, por enquanto com foco em mulheres trans travestis que moram no Centro de Acolhida Especial Casa Florescer, em São Paulo.

Como funciona

O programa vai dar suporte às participantes na busca por emprego, oferecendo até mentorias individuais, dando as ferramentas necessárias para construir uma carreira.

Os pilares do SOMA são Amabilidade, Autogestão, Socialização e Resiliência Emocional. Com isso, alguns dos temas abordados são educação financeira, escrita criativa, saúde, autocuidado, técnica de vendas, mindfulness e empoderamento. 

Para que tudo ficasse acessível à linguagem mais conhecida por quem participa do projeto, a Startup Wakanda Educação ficou responsável pela pedagogia inclusiva, traduzindo o conteúdo. 

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos