Mercado fechará em 4 h 15 min
  • BOVESPA

    127.826,01
    -231,21 (-0,18%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.925,53
    -277,27 (-0,55%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,95
    +0,91 (+1,28%)
     
  • OURO

    1.776,80
    +2,00 (+0,11%)
     
  • BTC-USD

    36.490,93
    -2.448,93 (-6,29%)
     
  • CMC Crypto 200

    901,47
    -38,47 (-4,09%)
     
  • S&P500

    4.182,61
    -39,25 (-0,93%)
     
  • DOW JONES

    33.446,30
    -377,15 (-1,12%)
     
  • FTSE

    7.009,56
    -143,87 (-2,01%)
     
  • HANG SENG

    28.801,27
    +242,68 (+0,85%)
     
  • NIKKEI

    28.964,08
    -54,25 (-0,19%)
     
  • NASDAQ

    14.103,00
    -62,50 (-0,44%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,9817
    +0,0192 (+0,32%)
     

Programa britânico abre inscrições para capacitar brasileiras com negócios de base tecnológica

·2 minuto de leitura
Programa britânico abre inscrições para capacitar brasileiras com negócios de base tecnológica
Programa britânico abre inscrições para capacitar brasileiras com negócios de base tecnológica

Por meio do programa Future Females Business School, oferecido pela missão diplomática do governo britânico no Brasil em parceria com a UK Brazil Tech Hub, mulheres empreendedoras, que tenham negócios baseados em tecnologia, podem receber capacitação com foco na prática de negócios digitais.

As inscrições para a segunda turma do programa estão abertas e, ao todo, serão 50 vagas destinadas às brasileiras. O curso será totalmente online e gratuito, com duração de três meses, começando em 14 de junho.

Serão 10 módulos que ajudarão mulheres empreendedoras a iniciar e desenvolver um negócio digital com impacto global positivo. O curso também irá oferecer vídeos, quizzes, apostilas e mentorias, bem como as participantes terão, ainda, a oportunidade de se conectar com fundadoras, mentoras, investidoras especialistas no assunto.

Lauren Dallas, cofundadora e presidente do Future Females. Imagem: Divulgação/LD Casa
Lauren Dallas, cofundadora e presidente do Future Females. Imagem: Divulgação/LD Casa

Apesar de ser oferecido pelo governo britânico, o curso não exige o domínio do inglês para participar. As aulas serão ministradas em português e dará todo suporte necessário para o entendimento do conteúdo. Clique aqui para se inscrever.

O programa

O objetivo do programa é capacitar e impulsionar mulheres no mercado de negócios digitais sustentáveis, usando a tecnologia para, além de gerar renda, impactar comunidades locais e globais.

Na primeira edição do Future Females Business School, o programa recebeu mais de 700 inscrições de empreendedoras de todas as regiões do Brasil e exterior. Durante o curso, foram realizadas 100 mentorias individuais e 32 sessões em grupo.

“As empreendedoras que participam de nossos programas não estão apenas construindo negócios, estão criando soluções inovadoras para problemas reais que enfrentamos neste ‘novo’ mundo e atuam como uma fonte de esperança para suas comunidades”, afirmou Lauren Dallas, cofundadora e presidente do Future Females.

Leia mais!

Mulheres na área de tecnologia e inovação

Ainda é pequeno o número de mulheres dentro da área de tecnologia e inovação. Apenas 12,6% das startups brasileiras têm mulheres entre os fundadores e 26,9% delas nem sequer têm mulheres no time, é o que mostrou um levantamento feito pela Associação Brasileira de Startups.

“Os desafios urgentes que enfrentamos no país e no mundo só serão resolvidos quando mais mulheres estiverem à frente da tomada de decisões, propondo soluções inovadoras por meio de perspectivas diversas”, explicou Andrea Motta, diretora do UK Brazil Tech Hub.

Fonte: Valor Investe

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos