Mercado fechado

Produção de petróleo dos EUA não voltará logo a nível pré-pandemia, diz secretário

·1 minuto de leitura

WASHINGTON (Reuters) - O secretário de Energia dos Estados Unidos, Dan Brouillette, afirmou nesta quarta-feira que não espera que a produção de petróleo norte-americana retome em breve os níveis pré-pandemia, uma vez que a demanda permanece fraca.

O bombeamento de petróleo dos EUA girava em torno de 13 milhões de barris por dia (bpd) em fevereiro, antes de a pandemia de coronavírus afetar a demanda por combustíveis.

"Nós simplesmente ainda não temos demanda para produção. Nós ainda estamos trabalhando com os estoques que aumentaram durante a pandemia", disse Brouillette a repórteres, em uma teleconferência organizada pela IHS CERAWeek, o Fórum de Energia da Índia.

Atualmente, a produção de petróleo dos EUA está próxima de 11 milhões de bpd, e Brouillette disse esperar que ela registre uma leve alta no ano que vem.

A Administração de Informações sobre Energia (AIE), órgão independente de estatísticas do Departamento de Energia dos EUA, disse neste mês que a produção de petróleo do país deve atingir 11,2 milhões de bpd no quarto trimestre de 2021.

"Eu não vejo um retorno aos 13 milhões de barris por dia no futuro muito próximo", afirmou Brouillette.

(Reportagem de Timothy Gardner)