Mercado fechado
  • BOVESPA

    108.941,68
    -160,31 (-0,15%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.599,38
    -908,97 (-1,73%)
     
  • PETROLEO CRU

    84,83
    -0,72 (-0,84%)
     
  • OURO

    1.836,10
    -6,50 (-0,35%)
     
  • BTC-USD

    35.430,53
    -3.272,92 (-8,46%)
     
  • CMC Crypto 200

    870,86
    +628,18 (+258,85%)
     
  • S&P500

    4.397,94
    -84,79 (-1,89%)
     
  • DOW JONES

    34.265,37
    -450,02 (-1,30%)
     
  • FTSE

    7.494,13
    -90,88 (-1,20%)
     
  • HANG SENG

    24.965,55
    +13,20 (+0,05%)
     
  • NIKKEI

    27.522,26
    -250,67 (-0,90%)
     
  • NASDAQ

    14.411,00
    -430,00 (-2,90%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1900
    +0,0599 (+0,98%)
     

Produção manufatureira dos EUA tem queda inesperada em dezembro com pressão de automóveis

·2 min de leitura
Fábrica em Illinois, EUA

WASHINGTON (Reuters) - A produção nas fábricas dos Estados Unidos caiu inesperadamente em dezembro, puxada por um declínio na produção das montadoras na esteira de uma contínua escassez de semicondutores em todo o mundo.

A produção manufatureira caiu 0,3% no mês passado, após alta de 0,6% em novembro, informou o Federal Reserve nesta sexta-feira. Economistas consultados pela Reuters previam alta de 0,5% na produção manufatureira. Em relação a dezembro de 2020, a produção subiu 3,5%.

A manufatura, que responde por 11,9% da economia norte-americana, continua sendo sustentada por estoques enxutos nas empresas, uma vez que a demanda por bens permanece forte. Mas a Covid-19 e a recuperação da pandemia têm sobrecarregado as cadeias de suprimentos, aquecendo a inflação.

A produção manufatureira subiu a uma taxa anualizada de 4,9% no quarto trimestre, após alta de 4,0% no trimestre de julho a setembro.

A produção nas fábricas de automóveis caiu 1,3% no mês passado após avançar 1,7% em novembro. A produção de veículos está cerca de 6% abaixo do nível de um ano antes.

O declínio do mês passado na produção manufatureira combinado com uma queda de 1,5% em serviços públicos derrubou a produção industrial para recuo de 0,1%, ante ganho de 0,7% em novembro.

A utilização da capacidade instalada no setor manufatureiro dos EUA, uma medida de quanto as empresas estão utilizando seus recursos, diminuiu 0,2 ponto percentual, a 77,0%, em dezembro. A utilização geral da capacidade do setor industrial caiu 0,1 ponto percentual no mês passado, para 76,5%, 3,1 pontos percentuais abaixo da média de 1972-2020.

Autoridades do Fed tendem a considerar as medidas de uso da capacidade para sinais de quanta "folga" resta na economia --até que ponto o crescimento tem espaço para ocorrer antes de se tornar inflacionário.

(Por Lucia Mutikani)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos